Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 25 de Abril de 2024
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
juba outra
Em 20 dias, casos de Dengue em Mato Grosso registra aumento de 300%
Data:23/02/2024 - Hora:08h35
Em 20 dias, casos de Dengue em Mato Grosso registra aumento de 300%
Reprodução

Em um período de apenas 20 dias, os casos de dengue triplicaram em Mato Grosso, um aumento alarmante que requer atenção imediata das autoridades de saúde e da população em geral, conforme Painel de Monitoramento de Arboviroses, do Ministério da Saúde. De acordo com o Boletim Epidemiológico até o dia 2 de fevereiro, foram contabilizados 1.810 casos. Já nesta quinta-feira (23) o estado registra 5.470.

Já são duas mortes confirmadas e outras duas suspeitas, estão em investigação no Estado. Além disso as notificações de casos prováveis de  zika chegaram a 847,  de chikunguya apontam para 176 notificações, sendo 132 casos confirmados. Nesse período, não houve registro de óbito em razão da zika ou chikungunya.

O aleta para que as autoridades de saúde intensifiquem as medidas de prevenção e controle do mosquito transmissor, como campanhas de conscientização, eliminação de criadouros, aplicação de inseticidas e ações de educação sanitária.

Além disso, é fundamental que a população esteja atenta e adote práticas preventivas em suas residências e comunidades, eliminando qualquer recipiente que possa acumular água parada e servir de criadouro para o mosquito.

A colaboração da população é fundamental nesse processo, pois cada indivíduo pode contribuir adotando práticas simples, porém eficazes, para eliminar os criadouros do mosquito em suas residências e locais de convívio.

A principal forma de prevenção contra a dengue é reduzir a infestação do mosquito Aedes aegypti, responsável pela transmissão do vírus. Para isso, é fundamental eliminar os criadouros do mosquito, o que pode ser feito através de ações simples no dia a dia.

- Evite água parada em pneus, latas, garrafas vazias e outros recipientes.

- Mantenha plantas, vasos, potes e objetos que acumulam água sempre limpos e secos.

- Faça a limpeza regular da caixa d’água e mantenha-a sempre fechada com uma tampa adequada.

- Verifique regularmente as calhas e remova folhas e detritos que possam impedir o escoamento da água.

- Coloque lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira fechada, eliminando entulhos do quintal.

- Troque regularmente a água dos potes de animais de estimação.

- Elimine copinhos plásticos, tampas de refrigerante e sacos abertos que possam acumular água.

- Cubra piscinas que não estão em uso e tampe os ralos.

- Mantenha equipamentos de obras, como lonas e betoneiras, livres de acúmulo de água.

- Limpe regularmente a bandeja externa da geladeira e a bandeja coletora de água do ar-condicionado.

Essas medidas simples são essenciais para combater a proliferação do mosquito Aedes aegypti e prevenir a dengue. A conscientização e a adoção de práticas preventivas pela comunidade são fundamentais para proteger a saúde pública e reduzir os casos da doença.




fonte: Da Redação



Não foi possível realizar a consulta ao banco de dados