Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 21 de Abril de 2024
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
Aguas coleta
Deixe os apegos deste mundo para adquirir o Reino dos Céus
Data:24/08/2023 - Hora:22h51

“O jovem disse a Jesus: ‘Tenho observado todas essas coisas. Que ainda me falta?’ Jesus respondeu: ‘Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens, dá o dinheiro aos pobres e terás um tesouro no céu. Depois, vem e segue-me.’” (Mateus 19,20-21)

Jesus sempre deixou muito claro que para trilharmos o caminho rumo à vida eterna será necessário desfazer-se de muitas coisas. O apego exagerado aos bens materiais, ao dinheiro, ou seja, às riquezas deste mundo, às riquezas que este mundo nos oferece, sempre serão um grande empecilho para o verdadeiro discipulado, para o verdadeiro seguimento de Nosso Senhor.

E quem não está aberto para vivenciar renúncias, dificilmente trilhará um caminho de santidade, mesmo que seja um exímio cumpridor dos mandamentos. Quem não está aberto para perder e para renunciar, não conseguirá seguir a Jesus!

Esse jovem, pela resposta, era um excelente observador dos mandamentos, assim como todo piedoso judeu da sua época. Porém, o mero cumprimento dos mandamentos não é suficiente para tornar alguém discípulo do Reino, herdeiro da vida eterna. É preciso ir muito além da observância.

Valerá muito a pena deixar as coisas deste mundo para adquirir o Reino dos Céus

E Jesus desafiou esse jovem a se desfazer de tudo que ele possuía. Jesus desafiou-o a distribuir os seus bens aos pobres, para se fazer discípulo do Reino e tornar-se, assim, herdeiro da vida eterna. “Desfazer-se” e “abrir mão dos apegos materiais”, daquelas coisas que são valiosas aqui neste mundo, das vaidades, de uma observância, até mesmo unicamente em vista de uma aprovação. Podemos ver que esse jovem dizia-se já observante da Lei de Deus, porém, Jesus exorta que somente um é bom.

Existem muitos apegos na nossa vida. Às vezes, somos apegados até mesmo à postura de “bom”, de alguém que é observante da Lei. O jovem, que havia sido fiel em guardar os mandamentos, não se sentiu preparado para se desfazer das coisas, dos apegos e das riquezas, até mesmo da sua aparência; ele não quis se desfazer da sua aparência. Por isso, os apegos o impediram de aceitar o chamado de Jesus.

A Palavra diz que ele foi embora triste, talvez, estivesse esperando ali um elogio, porém, descobriu que a perfeição não está no reconhecimento de ser bom, e sim na entrega radical ao chamado que o Senhor nos faz.

Por isso, quando ouvirmos o chamado de Jesus em nossa vida, que possamos ter a coragem de deixar as riquezas deste mundo, de deixar os apegos. Valerá muito a pena deixar as coisas deste mundo para adquirir o Reino dos Céus!

Desça sobre vós a bênção do Deus Todo-poderoso. Pai, Filho e Espírito Santo. Amém!


Padre Bruno Antônio - Sacerdote da Comunidade Canção Nova.




fonte: Padre Bruno Antônio



Não foi possível realizar a consulta ao banco de dados