Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 25 de Abril de 2024
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
juba outra
Água é Vida
Data:23/03/2023 - Hora:11h30
Água é Vida
Reprodução Web

Nesta semana, quarta-feira 22 de março, comemorou-se o Dia Mundial da Água, fonte da vida e não importa quem somos, o que fazemos, onde vivemos, o certo é que nós dependemos dela para viver. No entanto, por maior que seja a importância da água, as pessoas continuam poluindo os rios e suas nascentes, esquecendo o quanto ela é essencial para nossas vidas. O Dia Mundial da Água foi criado em 1992 pela Organização das Nações Unidas (ONU) com o objetivo de incentivar seu consumo consciente. A água é provavelmente o único recurso natural que tem a ver com todos os aspectos da civilização humana, desde o desenvolvimento agrícola e industrial aos valores culturais e religiosos arraigados na sociedade. É um recurso natural essencial, seja como componente bioquímico de seres vivos, como meio de vida de várias espécies vegetais e animais, como elemento representativo de valores sociais e culturais e até como fator de produção de vários bens de consumo final e intermediário. Como mencionado no início deste nosso bate papo, ela é fonte da vida, mas ainda existem aqueles que a desperdiçam, poluem rios e córregos, ignorando ou mesmo sabendo, fingindo ignorar que dos 70% do planeta que é constituído de água, somente 3% são de água doce e, desse total, 98% em forma subterrânea, quer dizer que a maior parte da água disponível e própria para consumo é mínima perto da quantidade total de água existente na nossa Terra. Nas sociedades modernas, a busca do conforto implica necessariamente em um aumento considerável das necessidades diárias de água. Os recursos hídricos têm profunda importância no desenvolvimento de diversas atividades econômicas. Em relação à produção agrícola, a água pode representar até 90% da composição física das plantas. A falta d'água em períodos de crescimento dos vegetais pode destruir lavouras e até ecossistemas devidamente implantados. Na indústria, para se obter diversos produtos, as quantidades de água necessárias são muitas vezes superiores ao volume produzido. Por uma questão de dever cidadão de filhos de Deus, percebemos que precisamos utilizar a água de forma prudente e racional, evitando o desperdício e a poluição. Bilhões de pessoas em todo o mundo continuam sofrendo com o acesso precário a água, saneamento e higiene, segundo relatório do Fundo das Nações Unidas para a Infância. Para se ter uma ideia, menos da metade da população mundial tem acesso à água potável. A irrigação corresponde a 73% do consumo de água, 21% vai para a indústria e apenas 6% destina-se ao consumo doméstico. Um bilhão e 200 milhões de pessoas (35% da população mundial) não têm acesso a água tratada. Um bilhão e 800 milhões de pessoas (43% da população mundial) não contam com serviços adequados de saneamento básico.  Diante desse cenário, em 2023 a água doce está no topo da agenda global, pois está acontecendo de 22 a 24 do corrente mês, a primeira Conferência de Água da ONU em 40 anos. O evento reúne líderes globais em Nova York em torno do tema. Segundo a ONU, até 2025, se os atuais padrões de consumo se mantiverem, duas em cada três pessoas no mundo vão sofrer escassez moderada ou grave de água. Mesmo o Brasil sendo um país privilegiado no que diz respeito à quantidade de água, com a maior reserva de água doce da Terra, não podemos vacilar, pois sua distribuição não é uniforme em todo o território nacional. Essa triste realidade só mudará quando a mudança começar por cada um. Segundo dados da ONU, cada pessoa necessita de 3,3 mil litros de água por mês – equivalente a 110 litros de água por dia para atender às necessidades de consumo e higiene. Porém, no Brasil, o consumo por pessoa pode chegar a mais de 200 litros/dia, sendo a maior parte gasta no banheiro – em banhos, descargas e torneira. Como quem se ama, se cuida, assim como água é vida, o certo é não apenas neste 22 de março, mas durante todos os 365 dias do ano, cuidar deste precioso líquido, que muita gente aprende a valorizar quando falta, mas sabendo usar, não vai faltar e não sabendo, pode ser a gota d’água. Bom dia! 

 




fonte: Da Redação



Não foi possível realizar a consulta ao banco de dados