Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 21 de Abril de 2024
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
juba outra
COLUNA RELIGIOSA: Seja misericordioso do mesmo jeito que o Pai do Céu é misericordioso
Data:08/03/2023 - Hora:07h57

“Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: ‘Sede misericordiosos, como  também o Vosso Pai é misericordioso (…) Dai e vos será dado’” (Lucas 6,36-38). 

Meus irmãos e minhas irmãs, nós precisamos aprender de Deus. Por isso, o Evangelho usa este termo: “Como o Pai do Céu”, a tradução aqui de “como”, em grego, é “katós”, que quer dizer: “justamente como o Pai”; exatamente como o Pai; na mesma proporção do Pai. É forte e, muitas vezes, passa despercebido aos nossos olhos, mas é viver a vida cristã com aqueles mesmos elementos da paternidade de Deus, do amor de Deus, da misericórdia de Deus, é tentar, ao máximo possível, imitar Deus. E visto que Deus fez assim comigo, eu também vou fazer assim com a outra ou com aquela pessoa, assim, nós vamos espalhando a semente de Deus no mundo.  

O Evangelho diz: “Dai e vos será dado”; é a lei divina, e não a antiga lei da retribuição, mas é uma nova lei baseada, como eu falei, no modus operandi de Deus, ou seja, do jeito que Deus faz — se Deus ama, eu posso amar; se Deus perdoa; eu posso perdoar; se Deus consola, eu posso consolar; se Deus nos dá tudo, eu também posso partilhar daquilo que eu tenho com os mais necessitados.  

Ser como Pai é morrer para si mesmo; é esquecer-se de si mesmo; é dar a vida 

Esta palavra do Evangelho quebra aquela maldita lei do mercado e do direito, dos interesses, o mercado que impõe que cada um deve dar esperando receber em troca; para cada ação existe um aproveitamento. E Nosso Senhor supera isso, pois ser como o Pai é amar sem esperar nada em troca.  

Muitas vezes, nós precisamos curar esse nosso coração interesseiro, utilitarista, que usa as pessoas e acaba idolatrando as coisas, e Nosso Senhor quer nos purificar disso. E, depois, Ele também elimina a lei do direito, a satisfação das minhas exigências, dos meus interesses pessoais, das minhas razões — “Eu posso me vingar porque eu tenho direito”—, não, você não tem direito a nada; você tem o direito de ser como Jesus sempre foi.  

Ser como Pai é morrer para si mesmo; é esquecer-se de si mesmo; é dar a vida. Por isso, o Evangelho nos pede: “Sede misericordiosos do mesmo jeito que o Pai é misericordioso” — é uma graça!  

Peçamos ao Senhor, neste tempo quaresmal, que purifique o nosso coração, para nos encaminhar à vivência do Evangelho nesse nível de entrega total.  

Sobre todos vós, desça a bênção do Deus Todo-poderoso. Pai, Filho e Espírito Santo. Amém! 

Padre Donizete Ferreira - Sacerdote da Comunidade Canção Nova. 

 

 



fonte: Padre Donizete Ferreira



Não foi possível realizar a consulta ao banco de dados