Diretora administrativa: Rosane Michels
Terça-feira, 21 de Setembro de 2021
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
sicredi
Hortaliças cultivadas por reeducandos na cadeia pública de Cáceres são doadas a escolas municipais
Data:14/09/2021 - Hora:08h34
Hortaliças cultivadas por reeducandos na cadeia   pública de Cáceres são doadas a escolas municipais
Divulgação

Aproximadamente a cada 60 dias saem dos portões da Cadeia Pública de Cáceres 2.500 pés de alface rumo as Escolas da rede municipal de ensino e família dos reeducandos.  São alimentos totalmente orgânico produzido pelos  reeducandos através do projeto de Horta hidropònica, pensado para o cumprimento da Lei de Execução Penal, (LEP/1984), que assegura ao   condenado seja em regime fechado ou semiaberto a remição, por trabalho ou por estudo, onde a  cada três dias trabalhados, o reeducando reduz um dia em sua pena.  

A ideia foi implantada em Cáceres pelo diretor da unidade prisional, Nelson Ortega, que havia vivido uma experiência com trabalho em horta na cadeia pública de Vila Bela da Santíssima Trindade. 

Em Cáceres o projeto iniciou há cerca de 6 meses, contando com o apoio do Conselho da comunidade através de seu Presidente Juliano Alves, como também da Dr. Helicia Vitti Lourenço, Juíza da 1ª Vara de Execução Penal da comarca de Cáceres. 

Para Nelson, diretor da unidade, apesar do pouco tempo, o projeto já tem apresentado ótimos resultados. Ele destaca as primeiras doações de alface e a importância do projeto não só para remissão de pena, mas também de ajuda a comunidade, uma vez que a produção será destinada também a outras entidades filantrópicas da cidade. 

Juliano Alves, avalia com bons olhos todas as ações que são realizadas dentro e fora dos muros da cadeia masculina e feminina. “Ao vermos as hortaliças chegarem as mesas da sociedade através das doações feitas sabemos que estamos cumprindo nosso papel de ressocialização, pois assim, poderemos oportunizar os recuperando em oportunidades de formação técnica profissionalizante, e ao mesmo tempo cumprir o determina a Lei de Execução Penal, estamos muito engajados nessa luta, penso que a população carcerária tem muito a colaborar com o município de Cáceres”, finaliza. 

 

Reeducandos cultivam alface na cadeia pública (Foto: Divulgação) 

 




fonte: Da Redação



AREEIRA anuncie anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
covid
Multivida
zoom
High Society
   Em clima de festa e muita animação o príncipe Arthur Michels Cunha apagou mais uma velinha envolto ao carinho dos pais Thiago e Mayara, dos avós, tios e amiguinhos que juntos cantaram o tradicional Parabéns. Que Papai do Céu cubra de bênçãos sua caminhada replicando por muitos anos sua existência. Afivelando as malas rumo a Cidade Maravilhosa a nossa amiga Karla Murielly que embarcou nessa madrugada para curtir merecidas férias nas belas praias cariocas. Que você faça uma excelente viagem e aproveite para recarregar as energias. Boas Férias! Festejou data natalícia, a querida professora Juliana Mattiello a quem enviamos votos de felicidades e muitos anos de vida. Que esse novo ano seja repleto de coisas boas e muitas conquistas. Salute!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados