Diretora administrativa: Rosane Michels
Sábado, 23 de Setembro de 2017
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Prorrogada até final do ano a redução do IPI para carros
Data:25/10/2012 - Hora:13h02
Prorrogada até final do ano  a redução do IPI para carros
A presidente Dilma Rousseff anunciou ontem a prorrogação IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido para automóveis até o final do ano, durante a abertura do Salão de São Paulo, evento que reúne as principais marcas de veículos na capital paulista e também defendeu o novo regime automotivo, o Inovar-Auto. \"Nós queremos gerar tecnologia, porque o nosso país tem um desafio e chama-se o desafio da produção, e produzir vai significar para o nosso país ter uma imensa capacidade de inovar\", disse a presidente. O IPI de veículos foi reduzido no final de maio pelo governo em até sete pontos percentuais, de acordo com o modelo e a cilindrada. No caso dos carros populares, de motor 1.0, a redução foi de 7% para zero. Os veículos álcool e flex com motores entre 1.0 e 2.0 tiveram o IPI reduzido de 11% para 5,5% e os modelos a gasolina com motores entre 1.0 a 2.0 tiveram o IPI reduzido de 13% para 6,5%. Os carros nacionais acima de 2.000 cilindradas não tiveram a alíquota do imposto reduzida. O ministro Guido Mantega disse que a prorrogação servirá para que a indústria continue vendendo bem e continue anunciando e fazendo investimentos. \"O Brasil hoje é um dos poucos países que está atraindo investimentos para a indústria automobilística. Nos outros países, estamos vendo anúncios de fechamento de fábricas de automóveis. Nós queremos que a indústria brasileira cresça indiferente à crise\", disse. \"Essas medidas ajudam a garantir investimentos e emprego\", afirmou. Ainda segundo Mantega, o governo não quer que haja aumento de preços de carros no final do ano. \"Se nós suspendêssemos a desoneração, provavelmente as empresas iriam aumentar os preços.\" A renúncia fiscal, com a medida, será de cerca de R$ 800 milhões em dois meses. Mantega afirmou, ainda, que \"provavelmente\" esta será a última prorrogação do IPI menor para carros. Mesmo apresentando melhora na produção (a produção industrial subiu 1,5% em agosto frente a julho, segundo o IBGE), alguns segmentos industriais, incluindo o setor automotivo, ainda estão com estoques excessivos. A avaliação da área técnica do governo, segundo informações da Reuters, é que o estímulo ao setor automotivo beneficia um segmento amplo do setor industrial, considerando que a fabricação de veículos automotores como um todo responde por quase 20% do setor industrial. O setor automotivo representa aproximadamente 21% do PIB da indústria nacional e movimenta outros setores, como o financeiro, já que 65% dos carros novos são vendidos por meio de financiamento. Depois do recorde de vendas registrado em agosto, com 405 mil unidades emplacadas, o segmento de automóveis e comerciais leves viu um encolhimento de 31% em setembro (277 mil). Na primeira quinzena de outubro outra queda, agora de 10,1% em relação ao mesmo período do mês anterior, aponta a Fenabrave (associação das concessionárias).


fonte: Da redação



AREEIRA JBA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Espalhando alegria, charme e elegância nas ruas de Curitiba o casal José Carlos Carvalho e Salete, que curtem uns dias ao lado do filhão José Ricardo.  Bom passeio. Figa para a pequena Anelise Maria que completou 4 meses de vida e  cada dia está mais fofinha. Quem coruja muito é a mamãe Maria Rosa e a vovó Maria Stael. Beijinhos!!! Comemorou mais uma primavera a linda Virginia Martins Santullo, que recebeu o carinho especial  dos filhos Ítalo, Otávio e Davi, do maridão, amigos e familiares. Que esse novo ano seja pleno de alegrias e conquistas.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados