Diretora administrativa: Rosane Michels
Terça-feira, 19 de Janeiro de 2021
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
O que o Brasil vai ter após a pandemia do Covid-19
Data:09/09/2020 - Hora:08h32

As nações mais adiantadas em tecnologia do mundo, estão superconcentradas em encontrar a cura desta pandemia. 

Para nós do Brasil,“Falta honestidade dos Políticos” em colocarem o dinheiro que foi colocado pelo Governo Federal a disposição dos governadores e prefeitos, no lugar certo. Ou seja, nosso país tem total condições de superar essa crise humanitária e econômica com recursos que já estão em mãos de políticos. Cada solução tomada por governos honestos como a Coréia do Sul onde nada parou, mas o governo central colocou a disposição de toda a população testes do covid-19 em todo território da Coréia e somente as pessoas que estivessem doentes eram colocadas em hospitais. 

No Brasil onde  40%  do  congresso (Câmara e Senado) ainda são do governo anterior, bem como o supremo tribunal onde dos 11 ministros, 6 foram nomeados pelo governo anterior, o governo federal foi obrigado a não liderar as ações contra a pandemia, mas a  delegar para os governadores e prefeitos as ações, e na verdade paralisaram o pais inteiro o que vai nos trazer uma recessão jamais vista no País. Mesmo assim, o governo federal liberou um montante de dinheiro que poderia ajudar muito, mas os líderes que são governadores e prefeitos conseguiram desaparecer com toda verba sem terem feito quase nada contra a pandemia. 

Mas teremos, com toda certeza, uma distribuição de nossa economia, trazendo aproximadamente 20 milhões de desempregados e 29 milhões de pessoas sem casa para morar, além de 40 milhões de pobres e pedintes.   

Se nossos políticos não deixarem de ser gananciosos e ladrões do dinheiro do povo, a solução para o País não virá. Se houver uma ação efetiva, no entanto,  a população poderá sofrer menos, pois nosso país somente com nossos produtos na área de  Agro, podemos alimentar 1,6 bilhões de seres humanos conforme a ministra da Agricultura. 

A imprensa ainda carrega consigo todos os defeitos dos governos anteriores, o que é escondido da população, que nos últimos 20 anos os governadores conseguiram empobrecer 40% da nossa população com impostos absurdos, conforme segue: 

Botijão de Gás R$ 42,00 (Brasil), R$6,00 (Argentina), R$ 4,00 (USA) 

Àgua/m3 R$ 0,90 (Brasil), R$ 0,30 (Argentina) e R$ 28,00 (USA) 

Automóvel médio R$ 80.000 (Brasil), R$ 40,000 (Argentina) e R$ 38.000 (EUA) 

O político brasileiro conseguiu colocar uma taxa de imposto que mata por ano mais que qualquer pandemia, enchentes, bala perdida e acidentes de trânsito. Nosso país já chegou a criar 1 milhão de novas empresas por ano, mas o imposto assassino mata 1,5 milhões de empresas por ano. 

Para melhor esclarecer, poderemos comparar os países que são próximos do nosso e qual é a carga tributária da população que trabalha. 

USA 6%Argentina 16%Chile 18%México 21%Colômbia 22% e Brasil 56% (Temos muitos impostos uns sobre os outros) 

A maior herança (maldita) foi deixada pelos últimos 20 anos pelos governos anteriores. Na realidade nossos políticos antigos necessitam de uma completa reciclagem neste momento atual, eliminando: a corrupção, os desvios do dinheiro do povo e passando por um processo de renovação completo, sem politicagem mas com inteligência, com trabalho honesto para assim podermos combater as pandemias que vierem pela frente. 

___*** J. A. Puppio é empresário, diretor presidente da Air Safety e autor do livro “Impossível é o que não se tentou”




fonte: J. A. Puppio



anuncie aqui rotary JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
sicredi
Multivida
High Society
Parabenizamos a linda Valentina Figueiredo que foi aprovada no vestibular de medicina da Unic. Merecidamente você conseguiu! E hoje os aplausos são todos para você! Parabéns! A força de vontade e a persistência trouxeram você a esse momento tão especial. Temos a convicção que essa conquista é o início de muitas outras...Que essa nova fase seja repleta de aprendizado e vitórias.  Um brinde ao casal Amarildo Merotti e Adriana Maciel Mendes, que celebraram mais um ano de casados, mais um ano de vida ungida pelas mãos de Deus. Desejamos que a felicidade continue fazendo parte do seu enlace matrimonial e que mais anos abençoados se possam acrescentar a todos aqueles que já contaram juntos. Um abraço forte a esse casal que tem fé no amor. Lançado o livro “Cáceres, Passado e presente de uma geografia poética” que proporciona ao leitor a arte em forma de poesia escrito pela ilustre cacerense Olga Castrillon Mendes, revelando a beleza histórica, cultural e religiosa da cidade com imagens capturadas pelas lentes do fotógrafo Rai Reis.  O livro valoriza e difundi a Princesinha, reconhecendo a importância e relevância do conjunto arquitetônico existente, como também o conjunto paisagístico da baía do Malheiros, rio Paraguai e Pantanal. Aplausos pelo belíssimo trabalho que teve apoio da ALMT, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer e Prefeitura Municipal de Cáceres. Fica a dica de leitura.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados