Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2021
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Isolamentos
Data:14/07/2020 - Hora:06h08
Isolamentos
Reprodução Web

Analise um planeta, dizem, surgido do nada (poeira de estrelas) a milhões, quiçá, bilhões de anos e que nos últimos milhares de décadas da origem humana dita sapiens, apresentar segundo últimos dados estatísticos, dentre quase 8 bilhões de habitantes, pouco mais de 2 mil marajás. Verdade seja dita, o quadro destaca que 2.153 cidadãos são bilionários, concentrando 60% da riqueza material do globo, enquanto 7 bilhões e 790 milhões de pessoas, em sua maioria (excetuando-se uns 20%), sobrevivem à custa de salários irrisórios, muitos destes, na rua da amargura do desemprego. Trocando em miúdos, o mundo tem hoje um bilionário para cada 3 milhões e 700 mil pessoas, representando 0,00003% dos marajás e o restante é resto mesmo. O quadro que ora registramos, veio à baila neste momento que tanto se fala em Isolamento e ou Distanciamento Social, devido ad-cautelam, o advento da Covid-19. Como se pode observar, o tal Isolamento ou Distanciamento Social, não é nenhuma novidade, pois existente e real a milénios, independe de pandemias e fenômenos afins, apenas ora rotulado, como preventivo a eventuais contatos com o maldito vírus. Só no patropi, dita Pátria Amarga, somos dezenas de milhões de isolados dos nossos direitos sociais, apesar de codificados constitucionalmente. A pandemia atual surge neste contexto, apenas para revelar o quantum de miseráveis a sobreviver de esmolas do dinheiro público, buscando-se isolar dos contágios virulentos, mas eternos isolados socialmente. Enquanto isso, nas entrelinhas dos laudos obscuros, os poderosos superfaturam respiradores asfixiando os cofres públicos, oferecendo milagres, placebos cloroquinos, fantasias, demagogias fake-older's, iverméticos dos cambaus, sob o manto da impunidade. No vácuo, milhares de vidas se esvaem semanalmente nas UTI's, revelando sem máscara, o Isolamento Social de muitos. In-fine: Isolamento Físico não deve se confundir com Isolamento Social. O primeiro, é preventivo ao vírus quase fatal do Covid-19, ao passo que o segundo, continuará contaminando bilhões de sobreviventes no planeta. Triste realidade, mas é a nossa. Bom dia...




fonte: Da Redação



JBA anuncie aqui rotary
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
rotary alimento
rotary
Multivida
High Society
Parabenizamos a linda Valentina Figueiredo que foi aprovada no vestibular de medicina da Unic. Merecidamente você conseguiu! E hoje os aplausos são todos para você! Parabéns! A força de vontade e a persistência trouxeram você a esse momento tão especial. Temos a convicção que essa conquista é o início de muitas outras...Que essa nova fase seja repleta de aprendizado e vitórias.  Um brinde ao casal Amarildo Merotti e Adriana Maciel Mendes, que celebraram mais um ano de casados, mais um ano de vida ungida pelas mãos de Deus. Desejamos que a felicidade continue fazendo parte do seu enlace matrimonial e que mais anos abençoados se possam acrescentar a todos aqueles que já contaram juntos. Um abraço forte a esse casal que tem fé no amor. Lançado o livro “Cáceres, Passado e presente de uma geografia poética” que proporciona ao leitor a arte em forma de poesia escrito pela ilustre cacerense Olga Castrillon Mendes, revelando a beleza histórica, cultural e religiosa da cidade com imagens capturadas pelas lentes do fotógrafo Rai Reis.  O livro valoriza e difundi a Princesinha, reconhecendo a importância e relevância do conjunto arquitetônico existente, como também o conjunto paisagístico da baía do Malheiros, rio Paraguai e Pantanal. Aplausos pelo belíssimo trabalho que teve apoio da ALMT, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer e Prefeitura Municipal de Cáceres. Fica a dica de leitura.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados