Diretora administrativa: Rosane Michels
Terça-feira, 04 de Agosto de 2020
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
FAPAM
Discípulos de Euterpe
Data:22/11/2019 - Hora:07h18
Discípulos de Euterpe
Reprodução Web

Afinando a viola no cebolão, o violão no diapasão, limpando a goela com aquele halls preto, 3, 2, 1: gravando, que hoje a vinheta é especial, dedicada aos discípulos de Euterpe, os músicos, entre os quais tamo-junto, como dizem os jovens, afinal, graças à nossa padroeira Santa Cecília, a sexta feira 22 de novembro é toda nossa, e Viva o Dia do Músico. Assim como de zero a nove se faz qualquer operação matemática, de dó a si, se faz qualquer musica, claro,que aqui, não nos referimos àquelas de uma nota só, o tal rap, que pode até ser arte, mas musical, nunca, pois a musica se distingue pela sequência melódica e escrever o rap num pentagrama é realmente uma missão impossível, convenhamos. Musica, lembra Musa, a nossa, Euterpe, filha de Zeus e Mnemosia, que fez dupla com Apolo, Deus do Sol e da música, para louvar as vitórias dos outros deuses, com uma coroa de flores à cabeça e uma flauta entre as mãos.  Lendas a parte, a História Universal da música, segundo Roland de Candé nos propõe a seguinte sequência aproximada de eventos: Antropóides do terciário, batidas com bastões, percussão corporal e objetos entrechocados; Hominídeos do paleolítico inferior, gritos e imitação de sons da natureza. Paleolítico Médio, desenvolvimento do controle da altura, intensidade e timbre da voz, à medida que as demais funções cognitivas se desenvolviam, culminando com o surgimento do homo sapiens por volta de 70.000 a 50.000 anos atrás. Segue a fila e cerca de 40.000 anos atrás,a criação dos primeiros instrumentos musicais para imitar os sons da natureza. Dessa data a aproximadamente 9.000 a.C, a criação de instrumentos mais controláveis, feitos de pedra, madeira e ossos: xilofones, litofones, tambores de tronco e flautas; membranofones e cordofones, primeiros instrumentos afináveis. Com o desenvolvimento da metalurgia, cerca de 5.000 a.C, surgem os instrumentos de cobre e bronze, que permitem a execução mais sofisticada e as primeiras civilizações musicais com sistemas próprios (escalas e harmonia). Passando nesta viagem, pela Grécia, onde a música funcionava como uma forma de estarem mais próximos das divindades, um caminho para a perfeição, chegamos à Roma, onde a música foi influenciada pela guerra e para cantar hinos em rituais sagrados; Pausa,... e paramos no Egito, onde acreditavam na origem divina da música, que ela estava relacionada a culto aos deuses. No embalo de Pégaso,voamos ao século XX, quando a musica trouxe nova liberdade e maior experimentação com novos gêneros musicais e formas que desafiaram os dogmas de períodos anteriores. A invenção e disseminação dos instrumentos musicais eletrônicos e do sintetizador em meados do século revolucionaram a música popular e aceleraram as novas formas de música. Os sons de diferentes continentes começaram a se exibir, enriquecendo ainda mais a cultura da música e mesclados, os batuques africanos, a abrasante salsa caribeña, a moda caipira lusitana moldada pelos capiaus brasilíndios, e tantas outras em casamentos de acordes, ritmos, vestindo letras afins, chegamos nesta miscelânea divina de musicas, a alma cantante de Sua Excelência, o Músico. Concluindo, ratificamos aqui a saudação à todos os músicos de Cáceres, num brinde à Euterpe, pela nossa data e que Santa Cecília nos abençoe, com as graças do bom Deus, Bom Dia!




fonte: Da Redação



JBA anuncie anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
SEcretaria Saúde
rotary alimento
rotary
High Society
Celebraram 55 anos de união pautada no amor, companheirismo e respeito o casal Antônio Mendes e Creuza, a quem enviamos nosso Destaque Especial do dia com votos de felicidades, rogando ao Criador que a chama desse amor continue brilhando e que a alegria se renove a cada dia fortalecendo essa linda união. Nosso brinde a vocês! Tim Tim!!! Uma semana regada de coisas boas a Luciane Castrillon por mais um ano de vida, ela que festejou no aconchego do lar, recebendo o carinho especial da família e rol de amigos.  Que essa data possa ser celebrada sempre com saúde, amor e realizações. Felicidades mil!  Felicitações a linda Vivian Rondon pela passagem do seu natalício. Que esse novo ano seja repleto de alegrias, saúde e prosperidades ao lado de sua família. Parabéns!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados