Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 22 de Setembro de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
Reub
O Minhocão de Cáceres
Data:24/08/2019 - Hora:08h24

Nosso editor aproveitou o gancho hoje para abordar o tema folclore devido ontem (22) o calendário registrar esta data comemorativa e como as lendas representam o conjunto de estórias e contos narrados pelo povo, transmitidas de geração em geração, lembro-me de uma especial aqui em Cáceres, que meus pais contavam quando eu era criança, a Lenda do Minhocão, a historia da cobra gigante da cidade. Pois bem, reza a lenda que o minhocão é uma cobra gigante capaz de sugar em poucos minutos o sangue de uma pessoa. Há alguns anos começaram a desaparecer alguns animais da região próxima a uma usina de açúcar e álcool. Galinhas, porcos, bezerros e cachorros eram encontrados muito tempo depois, totalmente estraçalhados. Foi então que os moradores descobriram que por ali  circulava uma serpente gigante.

Os boatos e o medo tomavam conta. O dono da usina já não sabia mais o que fazer e chamou um padre para orientá-lo. Toda a região foi benzida. A serpente respingada por um pouco daquela água benta, mergulhou no rio Paraguai e fugiu, até um esconderijo em frente ao local no qual uma igreja estava sendo construída. Porém, não pode ficar muito tempo lá, já que muitas mulheres vinham até o rio para lavar suas roupas ou tomar banho. Diante disso a serpente foi rastejando embaixo da terra e se acomodou justamente na área em que a igreja seria construída.

Quando a obra ficou pronta, houve uma missa em comemoração. Ao perceber os passos e vozes em cima dela, a cobra se mexeu e tremeu tanto que a obra começou a desabar. Primeiro foi o teto que caiu ferindo fiéis e depois as paredes. Algumas pessoas pensaram até que era um terremoto. Sem saber o que fazer, o povo começou a rezar, sendo que Nossa Senhora ficou com pena dos pobres fieis e decidiu ajudá-los. Mesmo que eles conseguissem construir a igreja de novo, a santa sabia que o problema não estaria resolvido, já que a serpente poderia voltar a se mexer a qualquer momento e todos estariam em risco. Resolveu, então, amarrar a enorme cobra. Pegou três fios do seu próprio cabelo e deu um nó em cada parte da cobra, que já não podia mais se mexer. Só depois de dezesseis anos, a catedral pode ser reconstruída e até hoje o povo de Cáceres acredita que a cobra ainda está lá embaixo, mas que não há perigo, pois ela esta presa pelo fio de cabelo de ouro de nossa senhora.***___Compilado por Rosane Michelis

 



fonte: Compilado por Rosane Michelis



anuncie AREEIRA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Elegante e lindíssima Gessica Simoncele oficializou união com Igor de Souza em cerimônia preparada com muito carinho para o grande dia. Na presença de familiares, amigos e padrinhos selaram o amor. Felicidades ao casal.  Aniversariante do dia Marisa Klein Dias que recebe o carinho especial do esposo Claudio, filhos e rol de amigos. Essa coluna deseja um ano de vitórias e muita saúde. Um brinde a você...Tim tim! Empreendedora de visão, Beatriz Tavares inaugura hoje o novo espaço da Casa Marquesa com inovações agregando valores ao seu negócio. Na oportunidade recebe os clientes e amigos no fim da tarde com um coquetel. Sucessos!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados