Diretora administrativa: Rosane Michels
Segunda-feira, 23 de Setembro de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Reféns da Cota Zero
Data:02/07/2019 - Hora:21h54
Reféns da Cota Zero
Reprodução Wev

O pescador pode estar sujeito a num futuro breve ir debaixo de varas, não para o rio, córrego ou lagoa, buscar o sustento para sua família, mas às barra do tribunal, como se dizia antigamente sobre alguém ser conduzido coercitivamente à presença de um juiz para se explicar sobre eventual infração cometida. Pelo menos, se aprovada uma tal lei cujo projeto em discussão em Mato Grosso, proibir, a partir de janeiro de 2020, o transporte, armazenamento e comercialização de peixes oriundos dos rios do estado capturados através da pesca amadora por cinco anos. O abacaxi está nas mãos dos ilustres deputados, lídimos representantes do povo, na assembléia legislativa, tramitando naquela dita casa de leis. De autoria do próprio governo, o projeto, após o período estipulado, deverá definir uma cota para a pesca amadora, vigiando, exceto a cota diária de subsistência do ribeirinho, apenas a pesca na modalidade pesque e solte será permitida. Acontece que além da pesca para consumo, o ribeirinho depende da venda excedente para outras despesas caseiras e não pode tornar-se refém de uma lei singular, coibindo a venda varejo do pescado à quem sobrevive apenas disso, respeitando o meio ambiente, como uma bênção provedora de sua humilde vida e família. Cediço, que o Pantanal tem importância ecológica particular porque, além de ser uma área úmida com mais de 190 mil km², é uma região para a qual convergem cinco biomas distintos: o Cerrado, a Mata Atlântica, o Bosque Seco Chiquitano, o Chaco e o Amazônico. Seus processos ambientais, dentre eles o hidrológico, com períodos de seca e cheia, permitem que a pesca, em suas diferentes modalidades, seja a atividade que mais gera trabalho e renda na região. Sem sua existência alguns municípios, sobretudo aqueles de fronteira com Bolívia e Paraguai, enfrentariam uma verdadeira tragédia social e econômica. O desemprego chegaria, se é que já não chegou,  para milhares de pessoas e certamente ocorreria, se é que já não acontece, um aumento expressivo do tráfico e do contrabando. Além de fornecer postos de trabalho, (turismo, hotéis, etc) a pesca é também a principal fonte de sustento para milhares de ribeirinhos e comunidades tradicionais que vivem ao longo de seus rios. A gente até entenderia a preocupação dos políticos com a pesca no pantanal, desde que não se restringisse a sacrificar o ribeirinho pescador, omissa aos demais problemas que o Pantanal enfrenta, aos sérios fatores de degradação ambiental que afetam os recursos hídricos com crescente intensidade, tais como: efeitos de assoreamento, aumento de material em suspensão, pesticidas e agrotóxicos, que afetam negativamente a sobrevivência de ovos e larvas de peixes; o aumento da carga de nutrientes com perda de biodiversidade; e a fragmentação dos rios por barragens, que impedem as migrações e eliminam os peixes de piracema, sendo a principal causa de redução da produção pesqueira, com efeitos em todo o ecossistema. A gente confia no Cepesca, nas colonias, exemplo, a Z-2 em Cáceres, voltada essencialmente na defesa do pescador, lutando pelos seus direitos contra os poderosos  e oxalá, se novidades houver, que sejam em prol do ribeirinho, diminuindo conflitos em remendos de lei, que ameacem  o uso sustentável do peixe como recurso natural.




fonte: Da Redação



anuncie anuncie aqui JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
Elegante e lindíssima Gessica Simoncele oficializou união com Igor de Souza em cerimônia preparada com muito carinho para o grande dia. Na presença de familiares, amigos e padrinhos selaram o amor. Felicidades ao casal.  Aniversariante do dia Marisa Klein Dias que recebe o carinho especial do esposo Claudio, filhos e rol de amigos. Essa coluna deseja um ano de vitórias e muita saúde. Um brinde a você...Tim tim! Empreendedora de visão, Beatriz Tavares inaugura hoje o novo espaço da Casa Marquesa com inovações agregando valores ao seu negócio. Na oportunidade recebe os clientes e amigos no fim da tarde com um coquetel. Sucessos!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados