Diretora administrativa: Rosane Michels
Segunda-feira, 24 de Junho de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI novo
Tubarão erra pênalti mas engole o Dourado no Café
Data:11/06/2019 - Hora:09h41
Tubarão erra pênalti mas  engole o Dourado no Café
Alexandre Fernandes

O discurso de falta de sorte deve ser, novamente, a tônica do Cuiabá nesta semana, com base na derrota de 1 a 0 para o Londrina na noite da última sexta-feira, que não foi bem digerida, já que o Dourado segundo a cronica cuiabana, dominou a maior parte da partida que teve poucas oportunidades de gol. Quanto ao pênalti aos 46 minutos do 2º tempo contestado pelos jogadores do Dourado, sem comentários, já que  ele foi desperdiçado pelo batedor pé-vermelho.

Tudo bem que o jogo, sem grandes emoções, teve domínio do Cuiabá, com 60% da posse de bola e com 14 finalizações do Dourado, que pararam nas mãos do goleiro Matheus Albino ou que foram para fora, aliás, vitória é bola na rede e o Londrina fez sua parte, seu dever de casa. Oxalá, o Cuiabá faça a sua hoje a noite na Arena Pantanal, quando recebe o Atlético Goianiense às 19h30 (horário de Mato Grosso).

Sobre a derrota cuiabana no Estádio do Café, o primeiro tempo foi truncado e com poucas chances de gol para cada lado. Mesmo utilizando de sua velocidade, o LEC pecava na finalização e não conseguia levar perigo ao gol de Victor Souza, que pouco apareceu na primeira etapa. No fim do primeiro tempo a sorte foi amiga do Tubarão, que recuperou a bola numa saída errada da defesa. Safira carregou até a entrada da área e arrematou forte no canto, abrindo o placar para o time de Alemão.

Na volta para o segundo tempo, o jogo pouco mudou e seguiu truncado no meio campo com muitos passes errados, faltas e chutões sem direção. Alemão logo notou que o jogo pouco mudaria naquele ritmo, até que resolveu mudar, colocando Arthur Caculé e Dagoberto, que alteraram a cara do jogo e deram mais mobilidade no meio de campo e ataque do Londrina.

Com as mudanças, o LEC pressionou até boa parte do segundo tempo, conseguindo boas ações no campo de ataque, com passes e muita velocidade, fazendo o goleiro do Cuiabá trabalhar e brigar com sua zaga. No final do jogo, já nos acréscimos, o Tubarão teve a chance de matar o jogo com um pênalti. Arthur Caculé bateu de fora da área e o zagueiro Alef toca com a mão na bola. Na cobrança, Anderson Oliveira bateu mal e o goleiro Victor Souza fez a defesa. A diretoria do Cuiabá lamentou, admitindo porém, que futebol se resume a resultado, não importa a estatística de jogo.




fonte: Folha L. com Redação



anuncie aqui anuncie JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
High Society
Rosas vermelhas a socialite cacerense Marília Fontes pela passagem de mais um ano. Que Deus lhe conceda muita saúde e muitos anos de vida. Hoje nossas homenagens com votos de felicidades. Grande beijo!!! Brindou data nova a querida Vandira Garcia que recebeu os parabéns dos amigos e familiares. Que Deus em sua infinita bondade lhe presenteie com um ano recheado de surpresas e coisas boas. Feliz Aniversário! Nosso abraço especial ao aniversariante do dia Felix Alvares, que festeja a data envolto ao carinho dos familiares e rol de amigos. Desejo o melhor para você não só hoje, mas sempre, e que esta data se repita por muitos anos.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados