Diretora administrativa: Rosane Michels
Sábado, 24 de Agosto de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Dr. Leonardo diz que recusa grana para aprovar reforma
Data:30/04/2019 - Hora:08h49
Dr. Leonardo diz que recusa  grana para aprovar reforma
Arquivo

O deputado federal por Mato Grosso Leonardo Albuquerque (SD) afirmou que são fortes os comentários na Câmara Federal, de que lideranças do Governo Bolsonaro estariam oferecendo R$ 6 milhões em emendas extraordinárias aos novos deputados, que votarem pela Reforma da Previdência. Albuquerque também teria recebido a oferta.

O parlamentar não citou nomes, mas uma fonte do  confirmou que as propostas vieram das lideranças do PSL na Câmara. Conforme apurou a reportagem, elas estariam conversando um a um com os deputados com a oferta de emenda. A prioridade seria buscar quem está se posicionando a favor e em partes do projeto de Reforma da Previdência.

“Não dá para propor, olha: ‘nós vamos liberar R$ 6 milhões de emendas para os novos deputados, mas tem que votar a Previdência Social. Isso é o que? Não é propor a velha política? Eu não aceito”, criticou o parlamentar em entrevista nesta semana ao Programa Jornal da Capital, da Rádio Capital FM (101.9). “Se o presidente da República vier oferecer para os novos emendas, como forma de pressionar, aí é a mesma coisa”, insistiu.

As emendas extraordinárias seriam uma forma do Governo ‘agradar’ os novos deputados, que começaram a legislatura neste ano, e não possuem indicação de emendas, tendo em vista que a propositura precisa ser feita no ano anterior. Até mesmo a base de apoio do presidente Jair Bolsonaro (PSL), no Congresso Nacional, classificou como "indecorosa" e "criminosa" a suposta oferta de R$ 40 milhões em emendas parlamentares até 2022, para cada deputado que votar a favor da reforma da Previdência no plenário da Câmara.

Líderes de cinco partidos governistas confirmaram que o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni teria oferecido destinar um extra de R$ 40 milhões em emendas parlamentares até  2022, a cada deputado federal que votasse a favor da Reforma da Previdência no plenário da Câmara.

Denunciada pela imprensa, a reportagem sobre as ofertas, foi lida pelos deputados da oposição e gerou uma grande confusão  na Câmara, que envolveu ofensas e troca de empurrões no plenário da Casa, inclusive, tendo o vice-líder do Governo, o deputado José Medeiros, chamado um colega de parlamento de “vagabundo”  pelas as acusações, negando qualquer tipo de negociação de emendas  na Câmara em troca de votos pela reforma da Previdência.




fonte: Rádio Capital com Redação



JBA anuncie anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
Com a presença de autoridades e associados, a equipe do Sicredi Cáceres comemorou na manhã de ontem o Jubileu de Porcelana, que marca 20 anos de trabalho da Cooperativa na cidade. Na oportunidade a gerência ofereceu aos presentes um requintado café da manhã. Esta coluna deseja a toda a equipe muito mais sucessos, na máxima de  Destaque mais que especial ao Grupo Chalana que festejou 27 anos de existência, 27 anos cultivando amizades, transformando vidas, cultivando o amor pela cultura. A todos os Chalaneiros nosso reconhecimento e aplausos. Muito feliz em rever o amigo de longas datas,  Silvio Teles, Chefe de Gabinete da Câmara Municipal de Cáceres, que atende a todos com muita presteza e cordialidade, sem esquecer é claro da competência. Desejamos um excelente fim de semana e bom descanso.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados