Diretora administrativa: Rosane Michels
Quarta-feira, 24 de Abril de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI novo
Abrindo o Mapa
Data:10/04/2019 - Hora:22h18
Abrindo o Mapa
Reprodução Web

Esta semana um canal de TV em horário nobre fez uma varredura num país onde segundo as informações a fome e a miséria imperam e são milhares a morrer seja pela violencia ou à míngua diante do descaso do governo com as doenças e os pobres doentes, fato que sabemos ser real em vários países emergentes, inclusive, o Brasil, bastando abrir o mapa desta realidade. Veja o leitor que dados de 2016, apontavam  ter o número de homicídios no Brasil superado a casa dos 60 mil em um ano. Para ser mais preciso, 62.517 mortes, consoante o Atlas da Violência de 2018 , produzido pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública (FBSP), ratificando o número de 62.517 assassinatos cometidos no país naquele ano, 30 vezes maior da Europa. O número de mortes violentas é também um retrato da desigualdade racial no país, onde 71,5% das pessoas assassinadas são negras ou pardas. Paralelo a violencia, tiros, facadas, pauladas, passionais, etc, (nem vamos aqui listar as milhares de mortes no trânsito), listamos outras estatisticas que a grande midia prefere jogar debaixo do tapete, gastando seu tempo, quiçá cevado por potencias interesseiras,cujos numeros são alarmantes, senão vejamos:  Cerca de 70 mil pessoas são infectadas pelo bacilo da tuberculose doença infecto-contagiosa que matou 4.426 brasileiros na Pátria Amada em 2016, de acordo com o boletim mais recente do Ministério da Saúde. O Brasil está entre os que registram o maior número de casos da doença e na região das Américas, fica em primeiro lugar e fica em segundo do planeta em número de casos de hanseníase, atrás somente da Índia, com  26.800 casos em 2017, (dados Ministério da Saúde) contra 25.218 em 2016. Toca o barco, que em 2018,  as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti: dengue, zika e chikungunya, registraram  54.777 casos prováveis de dengue, em comparação com os 21.992 casos do mesmo período no ano passado e quando verificado a incidência, em 2019, os casos chegam a 26,3 por 100 mil habitantes. Sabiam que cerca de 829 brasileiros morrem diariamente em hospitais públicos e privados por falhas que poderiam ser evitadas?(dados do Anuário da Segurança Assistencial Hospitalar no Brasil, realizado pelo IESS Instituto de Estudos de Saúde Suplementar). O número equivale a três mortes a cada cinco minutos, a segunda causa de morte mais comum no Brasil. Fica atrás apenas das doenças cardiovasculares, responsável pela morte de 950 brasileiros por dia, (dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia). Concluindo, segundo  estimativas, no Brasil, 153 mil mortes por ano seriam causadas pelo atendimento de má qualidade e 51 mil por falta de acesso a atendimento de saúde. Além da violencia e das doenças, temos o maior fantasma letal delas, a miséria, a fome, que mata, Hoje, mais de 13 milhões passam fome no Brasil. De acordo com a fundação Getulio Vargas, cerca de 5 mil pessoas com mais de 60 anos de idade morreram de fome em 2016, número que vem se repetindo há uma década, e, comosempre a grande midia que escracha problemas além-fronteira, ignoram os nossos, que são graves. Que tal, começar a faxina pelo quintal tupiniquim?




fonte: Da Redação



anuncie aqui AREEIRA JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
canopus
zoom
High Society
No rol dos aniversariantes a querida amiga e leitora de longas datas Cida Fátima de Castro que celebra o dia ao lado da família, dos amigos e colaborados da Floricultura Joia Viva. Que Deus lhe conceda um ano pleno de alegrias, conquistas e principalmente saúde. Felicidades sempre!!! Aplausos ao elenco da peça teatral Paixão de Cristo encenada em Cáceres. Quem foi pode conferir o alto nível dos artistas que deram um espetáculo a parte,  emocionando a grande plateia. A perfeita sincronia da sonorização com o cenário e atos foi coisa de cinema. A todos,  nosso reconhecimento e nossos parabéns. Para muitas pessoas, Páscoa  são ovos de chocolate e de tantas outras guloseimas comercializadas nesta época. Mas a Páscoa é muito mais que isso, é libertação, é doação, é a vitória da vida.  E a melhor maneira de comemorar esta época é fazendo o bem para o próximo. E foi com esse espírito que as crianças do  RotaKids, do Rotary Club de Cáceres, realizaram  uma manhã especial para  50 crianças carentes. É claro que não faltaram os chocolates e as brincadeiras, mas junto com estes costumes foi semeada no coração dos pequenos uma mensagem de amor, de respeito e de boas condutas com esse gesto de solidariedade e amor ao próximo. Hoje nosso Destaque Especial é endereçado a vocês...
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados