Diretora administrativa: Rosane Michels
Sábado, 24 de Agosto de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Procon-MT questiona novas praticas via cartão de crédito
Data:03/04/2019 - Hora:09h12
Procon-MT questiona novas  praticas via cartão de crédito
Ilustrativa

A Secretaria Adjunta de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon-MT) faz um alerta sobre uma nova prática de parcelamento de compras disponível no mercado: o crediário no cartão de crédito. O risco é que esse sistema resulte em aumento do endividamento, prejudicando os consumidores brasileiros.

O consumidor terá que optar entre quatro formas de pagamento: débito, crédito à vista, crédito parcelado (conforme as opções da loja) ou o novo crediário. Na modalidade crediário, o parcelamento é feito

pelo consumidor direto com a operadora de cartões, por meio da “maquininha”, no momento da compra - com juros definidos pelo banco emissor do cartão, de acordo o perfil do cliente.

Para a secretária adjunta do Procon-MT, Gisela Simona, essa nova forma de crediário deixa muitas dúvidas, principalmente em relação às taxas de juros que serão aplicadas, o que pode afetar diretamente o consumidor mais vulnerável. “Há uma carência muito grande de informações com a colocação desse novo serviço no mercado: como serão precificados juros; como e em que momento o consumidor terá informações sobre o final do pagamento e todos os encargos decorrentes desse parcelamento?”. Outro questionamento é em relação ao modo como o risco de superendividamento é avaliado pelos cartões de crédito e instituições financeiras. Há também a dúvida em relação aos juros cobrados do consumidor caso ele não consiga pagar as parcelas do cartão de crédito.

“A Abecs precisa prestar esclarecimentos sobre essa nova modalidade de crédito, uma vez que se trata de uma medida que não foi exposta de forma clara. Isso pode resultar em prejuízos ao consumidor, principalmente aquele mais vulnerável, bem como ao comerciante”, frisou Gisela, ressaltando a necessidade de transparência.

A Associação Brasileira dos Procons (Procons Brasil) também manifestou preocupação em relação à medida adotada pela Abecs e pede esclarecimentos. De acordo com associação de proteção ao consumidor, o projeto de lei que busca recuperar o consumidor superendividado está parado no Congresso Nacional e neste “limbo legal” as instituições financeiras têm promovido outorga de crédito ao consumidor.

“O direito à informação deverá prevalecer nestas contratações, sob pena de imputar ao consumidor um aumento na sua vulnerabilidade contábil, ou seja, sua incapacidade técnica de calcular a consequência financeira do que está contratando”, manifestou-se a Procons Brasil por meio de nota.




fonte: Procon/MT com Redação



anuncie AREEIRA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
Com a presença de autoridades e associados, a equipe do Sicredi Cáceres comemorou na manhã de ontem o Jubileu de Porcelana, que marca 20 anos de trabalho da Cooperativa na cidade. Na oportunidade a gerência ofereceu aos presentes um requintado café da manhã. Esta coluna deseja a toda a equipe muito mais sucessos, na máxima de  Destaque mais que especial ao Grupo Chalana que festejou 27 anos de existência, 27 anos cultivando amizades, transformando vidas, cultivando o amor pela cultura. A todos os Chalaneiros nosso reconhecimento e aplausos. Muito feliz em rever o amigo de longas datas,  Silvio Teles, Chefe de Gabinete da Câmara Municipal de Cáceres, que atende a todos com muita presteza e cordialidade, sem esquecer é claro da competência. Desejamos um excelente fim de semana e bom descanso.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados