Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 25 de Agosto de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Organização criminosa é alvo de operação policial conjunta
Data:01/11/2018 - Hora:09h40
Organização criminosa é alvo  de operação policial conjunta
PJC/MT

Uma operação conjunta do Núcleo de Repressão às Organizações Criminosas e à Corrupção da Secretaria de Segurança Pública do Espírito Santos, com a Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, por meio da Gerência de Combate ao Crime Organizado, foi deflagrada na manhã de ontem, (31), para prender integrantes de uma organização criminosa especializada na prática de crimes de estelionato pela internet.

A ação contou com apoio de policiais civis da Gerência de Operações Especiais (GOE), Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) e Delegacia Especializada do Meio Ambiente (DEMA), cumprindo 10 mandados de prisão preventiva e 12 mandados de busca e apreensão em endereços de Cuiabá e Várzea Grande, Pontes e Lacerda e Alta Floresta.

A investigação apurou que os suspeitos simulavam a comercialização de veículos de luxo e, mediante a utilização de comprovantes de depósitos falsificados, enganavam as vítimas que acreditavam estar negociando veículos que na realidade não pertenciam aos suspeitos. Uma das vítimas realizou depósitos que somam R$ 185 mil, em contas bancárias indicadas pelos suspeitos. O delegado titular da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), Diogo Santana Souza, destacou a importância do trabalho realizado que visa desestimular essa modalidade criminosa.

"A internet é campo fértil para o cometimento de crimes, visto que os suspeitos acreditam estar protegidos pelo anonimato. No entanto, é certo que a polícia dispõe de mecanismos para rastrear todas as operações realizadas no mundo virtual, sendo possível a identificação daqueles que insistem em utilizar a internet para cometer crimes", disse.

Conforme o delegado Raphael Ramos Correa Luiz, titular do Núcleo de Repressão às Organizações Criminosas e à Corrupção, diversos casos similares têm ocorrido no Espírito Santo e no Brasil, de um modo geral.

Até o fechamento desta edição haviam sido cumpridos oito dos dez mandados de prisão expedidos. Os alvos da operação que tiveram a prisão decretada são: Jackson da Cunha Cambara; Richard Iury da Conceição; Débora Maiza Moura de Jesus; Eryson Pablo Siqueira Cabral; Franciele de Campos Silvério; Vanderley Silva Almeida; Mayebeson Luiz da Silva; Leonardo Gonçalves Pinho; Devail Rosa Maciel Santana e Gustavo Leite Santana.

Dois dos dez acusados residem em bairros considerados de luxo em Cuiabá, são eles: Débora Maiza Mura de Jesus (Duque de Caxias) e Eryson Pablo Siqueira Cabral (Goiabeiras).




fonte: PJC/MT com Redação



anuncie aqui anuncie JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
Com a presença de autoridades e associados, a equipe do Sicredi Cáceres comemorou na manhã de ontem o Jubileu de Porcelana, que marca 20 anos de trabalho da Cooperativa na cidade. Na oportunidade a gerência ofereceu aos presentes um requintado café da manhã. Esta coluna deseja a toda a equipe muito mais sucessos, na máxima de  Destaque mais que especial ao Grupo Chalana que festejou 27 anos de existência, 27 anos cultivando amizades, transformando vidas, cultivando o amor pela cultura. A todos os Chalaneiros nosso reconhecimento e aplausos. Muito feliz em rever o amigo de longas datas,  Silvio Teles, Chefe de Gabinete da Câmara Municipal de Cáceres, que atende a todos com muita presteza e cordialidade, sem esquecer é claro da competência. Desejamos um excelente fim de semana e bom descanso.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados