Diretora administrativa: Rosane Michels
Sábado, 15 de Dezembro de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI novo
Pesquisadores comemoram a nomeação da Estação Taiamã
Data:29/10/2018 - Hora:09h47
Pesquisadores comemoram a  nomeação da Estação Taiamã
Arquivo

Os pesquisadores da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) que desenvolvem trabalhos científicos na unidade de proteção, Estação Ecológica de Taiamã (Esec Taiamã), pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), comemoraram a nomeação da Esec em Sítio Ramsar.

Entre eles a professora Carolina Joana da Silva, uma das pioneiras da Esec Taiamã, que iniciou suas visitas à unidade há 39 anos.  “Essa nomeação traz uma imensa alegria, fui uma das primeiras pesquisadoras a visitar a Estação e a denominação de Sítio Ramsar será grande aliada para a continuidade e o desenvolvimento das pesquisas em andamento”, comentou a pesquisadora.

Durante a 13ª Reunião da Conferência das Partes na Convenção sobre Zonas Úmidas de Importância Internacional, conhecida como Convenção de Ramsar, realizada este mês em Dubai, Emirados Árabes, foi aprovada a designação da Esec Taiamã como área úmida de importância internacional, conhecido também como Sítio Ramsar. Além da Esec Taiamã, o Rio Juruá que nasce no Peru e banha os estados do Acre e Amazonas também foi designado como Sítio Ramsar, e o Brasil recebeu os certificados no último domingo, dia 21 de outubro.

Desde sua adesão à Convenção de Ramsar, na década de 1990, o Brasil promoveu a inclusão de 25 sítios. São 23 unidades de conservação e dois Sítios Ramsar Regionais. A Estação Ecológica de Taiamã, localizada no Pantanal, uma das maiores extensões úmidas do planeta, passa a ser o quarto sítio reconhecido neste bioma.

No Brasil, onde são designados Sítios Ramsar em áreas protegidas e em áreas com conectividade ecológica, o reconhecimento internacional reforça a necessidade de valorização destas áreas, onde as características ecológicas devem ser mantidas obrigatoriamente, de modo a garantir suas funções e serviços ambientais.

A professora e pesquisadora da Unemat, Carolina Joana da Silva, doutora em Ecologia e Recursos Naturais e pós-doutora em Limnologia de Áreas Úmidas Tropicais, coordena um programa de pesquisa ecológica de longa duração (Peld) na Esec Taiamã.

A pesquisadora conta que a área foi escolhida para ser estudada pelo elevado grau de conservação. “Poderemos cada vez mais subsidiar o conhecimento da área da planície pantaneira tanto da biodiversidade, quanto das funções ambientais que ali ocorrem, servindo como modelo para a tomada de decisões, bem como ampliar a possibilidade do uso social e econômico e ainda como suporte ecológico para toda a região. Os resultados ecológicos-econômicos-sociais serão valiosos para toda a região do Pantanal”, explicou Carolina Joana.

Além do Peld-Darf, a professora Carolina Joana coordena o projeto Corredor ecológico, econômico e cultural do Rio Paraguai no contexto de mudanças climáticas no Pantanal que também envolve um grande número de pesquisadores. A Estação Ecológica Taiamã, que compreende uma importante parcela do bioma Pantanal, vem sendo preservada e conservada para fins científicos e educacionais. Como Sítio Ramsar, as áreas úmidas da Estação se tornam prioridade na implementação de políticas governamentais e de reconhecimento público, o que fortalece sua proteção.

Localizada no município de Cáceres, em Mato Grosso, a Estação possui biodiversidade muito rica. A localização numa das maiores áreas alagáveis contínuas do planeta favorece a abundância. A fauna conta com pelo menos 264 espécies de peixes, 652 de aves, 102 de mamíferos, 177 de répteis e 40 de anfíbios. A vegetação é composta por aproximadamente 1.500 espécies de plantas das regiões amazônica, cerrado e chaco. A avifauna mais representativa é constituída de aves aquáticas, normalmente migratórias.

 




fonte: Assessoria



AREEIRA JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
High Society
Para quem gosta de objetos de decoração e utilidades, daqueles do dia a dia, até os mais requintados, agora conta com a Casa Marquesa, especializada em presentes para as mais variadas ocasiões. A empresária Beatriz Tavares investiu num espaço requintado e aconchegante para oferecer o que tem de melhor, com  muito bom gosto. Vale conferir. Sucessos Bia. Cáceres agradece Felicitamos neste dia a linda morena Bárbara Victória Filiagi Assunção que celebra mais uma primavera e recebe o carinho especial das irmãs Kássia e Raquel, do pai do coração Gaúcho e rol de amigos. Sucessos, saúde, amor e alegrias nesse novo ano é o que a família do JCC deseja. Feliz Niver!!! Brindamos hoje mais um aniversário da finess Lucia Oliveira. Que Deus em sua infinita bondade lhe presenteie com um ano pleno de realizações e felicidades.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados