Diretora administrativa: Rosane Michels
Terça-feira, 17 de Outubro de 2017
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
CANOPUS
CNM: “divida de R$ 20 bi do governo compromete orçamentos municipais”
Data:16/05/2012 - Hora:14h19
O presidente da Confederação Nacional de Municípios, Paulo Ziulkosky, afirmou anteontem, que pelo menos 1.400 prefeitos devem deixar dívidas para os sucessores referentes a obras contratadas em seus municípios, embora a Lei de Responsabilidade Fiscal proíba que prefeitos terminem o mandato com restos a pagar que excedam a receita dos municípios. \"Mais de 1.400 municípios têm restos a pagar e os prefeitos disseram que não têm condições de pagar. Além disso, 350 municípios disseram que estão com a folha de pessoal atrasada\", afirmou Ziulkosky. Segundo ele, as prefeituras tiveram receita baixa nos últimos anos e crescimento nas despesas devido ao aumento do salário mínimo, do piso nacional do magistério, e de programas federais com contrapartida dos municípios. Além disso, de acordo com a CNM, o governo federal deve aos municípios R$ 20 bilhões em restos a pagar. Os restos a pagar são recursos previstos em Orçamentos de anos anteriores, e que, embora autorizados pelo Executivo, não foram pagos. Ziulkosky apresentou a pauta de reivindicação da 15ª Marcha de Prefeitos, que começou ontem (15), em Brasília, e vai até amanhã (17). De acordo com a Confederação Nacional de Municípios, o Fundo de Participação dos Municípios (FPM), previsto para 2012 é muito pequeno quando comparado ao aumento de despesas das prefeituras. Segundo Ziulkosky, o FPM, que compreende o montante de repasses da União às prefeituras, será de R$ 73,8 bilhões neste ano, R$ 8,2 bilhões a mais que o liberado em 2011. \"Os gestores estão passando por situação angustiante. Serão todos ficha suja ou condenados\", disse. Além de exigir o pagamento pela União dos restos a pagar devidos aos municípios, a confederação pede que seja aprovado na Câmara o projeto que prevê a alteração na partilha dos royalties do petróleo, de modo a beneficiar estados e municípios não-produtores. A Marcha dos Prefeitos também vai reivindicar a renegociação da dívida previdenciária dos municípios com a União, que não sejam aprovados novos pisos salariais e que as associações nacionais dos municípios tenham legitimidade para questionar a constitucionalidade de leis no Supremo Tribunal Federal.


fonte: Da redação



anuncie AREEIRA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Boas vindas ao mais novo cacerense Samuel Oliveira Maciel, que veio ao mundo para alegrar ainda mais a vida do casal Wellington e Darlene e da vovó Isabel. Que Deus abençoe grandemente essa família. Parabenizamos a médica psiquiatra Patrice Zattar Ribeiro, que completou mais uma primavera. Na foto curtindo a data ao lado da irmã Ingrid em viagem a Montevidéu. Saúde, amor e felicidades. Festejou mais um ano de vida o garotão Murillo Basto, que na oportunidade foi abraçado pelos familiares e amigos. Muitas felicidades e muitos anos de vida são os nossos votos.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados