Diretora administrativa: Rosane Michels
Segunda-feira, 15 de Outubro de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Papa: ser humano não é mercadoria
Data:22/09/2018 - Hora:08h05
Papa: ser humano  não é mercadoria
Divulgação

O Papa Francisco recebeu, na Sala Clementina, no Vaticano anteontem, 20,, a Associação italiana de Mutilados e Inválidos do Trabalho. Francisco destacou como preciosa a atividade incansável da associação em favor dos direitos dos trabalhadores, começando pelos mais frágeis e menos tutelados, como as mulheres, os idosos e os imigrantes. “O nosso mundo precisa fazer um salto de humanidade, que nos leve a abrir os olhos e ver que quem está diante de nós não é uma mercadoria, mas uma pessoa e um irmão na humanidade,” disse, convidando a associação a vigiar sobre a sua ação, enquanto olhando os dados do Relatório sobre saúde e segurança no trabalho. O Santo Papa reiterou, que, “junto com a cultura do trabalho e da segurança hoje, está em jogo a própria essência da democracia, que é baseada no respeito e proteção da vida de cada pessoa”. Por isso, pediu também um quadro legislativo mais adequado que responda às necessidades reais dos trabalhadores, bem como uma consciência social mais profunda sem a qual as leis permaneceriam letra morta. Francisco exortou a associação a realizar esta nobre missão, que contrasta a indiferença e a tristeza e aumenta a fraternidade e a alegria. “Reunindo e apoiando aqueles que sofreram mutilações ou invalidez no trabalho, e se esforçando para promover uma cultura e uma prática que estejam atentas à saúde e segurança, este organismo desempenha uma função social muito importante. Em nome do povo de Deus manifesto a esta associação estima e gratidão”, frisou o Pontífice.

 “Quantas pessoas que sofreram acidentes no trabalho com conseqüências permanentes e debilitantes, vivem numa situação de particular sofrimento, especialmente quando a deficiência que elas trazem impede que continuem trabalhando e cuidando de si e seus entes queridos, como faziam antes. A todas essas pessoas expresso minha proximidade; Deus consola aqueles que sofrem e está aproximo a todas as situações de indigência e humildade. Com a força de Deus, cada um é chamado a um compromisso de solidariedade e apoio a quem é vítima de acidentes no trabalho, apoio que deve se estender aos familiares, também afetados e necessitados de conforto. Fazendo assim, esse organismo desempenha uma tarefa nobre e essencial, e chama toda a sociedade ao dever do reconhecimento e ajuda concreta aos que sofreram acidentes na realização de seu trabalho,” complementou o pontífice. A propósito da dimensão assistencial indispensável da associação, o Papa sublinhou que a doutrina social da Igreja recorda constantemente que deve haver equilíbrio entre solidariedade e subsidiariedade, e, que tal equilíbrio deve ser procurado e construído em toda circunstância e âmbito social. De modo, que de um lado, nunca falte a solidariedade, e do outro, não se limite a ela, tornando passivas as pessoas que ainda podem dar uma contribuição importante ao mundo do trabalho, mas envolvendo-as ativamente e colocando suas capacidades a serviço.  ***___vaticannews.va/pt/papa/news/2018-

 




fonte:



JBA anuncie anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
Parabenizamos o pequeno Samuel Maciel, que ontem festejou seu primeiro aniversário envolto ao carinho dos papais Wellyngton Maciel e Darlene Floriano e da vovó Isabel. Desejamos que continue crescendo forte e saudável, e que a felicidade se multiplique por muitos anos. Feliz Niver!!! Em contagem regressiva para a chegada do primeiro baby o casal Vander Sousa e Janaína Sedlacek que não se cabem de felicidade e ansiedade para o dia tão esperado. Estamos na expectativa também já desejando um bom parto a futura mamãe. Abraço especial a supervisora pedagógica do Colégio Salesiano Santa Maria, Fabíola Campos Lucas, que desenvolve um trabalho digno de registro. Educadora nota mil que merece nosso respeito.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados