Diretora administrativa: Rosane Michels
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI novo
Legislativo reinicia processo para cassar vereador em Araputanga
Data:10/08/2018 - Hora:08h40
Legislativo reinicia processo para cassar vereador em Araputanga
Reprodução

Depois da regularização da eleição da Mesa Diretora de acordo com o Regimento Interno do Legislativo Municipal, os vereadores de Araputanga receberam novamente o pedido de cassação do mandato de vereador de Oswaldo Alvarez de Campos Junior (PSB). Contratada pelo Partido Solidariedade de Araputanga (SD), a advogada Alice Bernadete Parra Merino voltou a apresentar o pedido de cassação na sessão da última segunda-feira, dia 6 de agosto.

Em seu pronunciamento de defesa, o vereador Oswaldo Alvarez informou que a ação ingressada pelo Ministério Público até hoje não foi recebida pela Justiça. O Ministério Público Estadual (MPE), através da Promotoria de Justiça de Araputanga ingressou com a Ação Civil Pública contra o vereador Oswaldo Alvarez, no dia 2 de abril desse ano, por prática de improbidade administrativa.

Na ação, a promotora de justiça Mariana Batizoco Silva, nomeou engenhos fraudulentos cometidos por Oswaldo Alvarez, então presidente da Câmara Municipal, como exercício irregular/incompatível da advocacia; falsidade ideológica e atuação desonesta, imoral e desleal à Câmara Municipal, agindo de forma a violar os princípios norteadores da Administração Pública.

O presidente da Câmara Oswaldo Alvarez de Campos Junior e mais três vereadores Diego Soares da Silva, Ilídio da Silva Neto e Jocelino Ferreira da Silva apresentaram denúncia ao Ministério Público, imputando ao prefeito de Araputanga a prática, em tese, do crime de falsidade documental, sendo que a impropriedades iniciaram dentro da própria Câmara Municipal.

Conforme depoimentos ao Ministério Público, o vereador Ilídio da Silva Neto teria assinado a denúncia contra o prefeito como forma de troca de favores, deixando evidenciado que não sabia do teor e inclusive manifestou o desejo de se retratar. O vereador Jocelino Ferreira da Silva apresentou depoimento com contradições, deixando claro que nada sabia em relação aos fatos da denúncia por ele assinada. O vereador Diego Soares da Silva, também afirmou que não sabia do que se tratava.

Por 5 votos a favor, os vereadores receberam a denúncia de cassação do mandato de vereador de Oswaldo Alvarez feita pelo Partido Solidariedade. O pedido foi encaminhado para a Comissão de Constituição e Justiça, onde será transformado em Decreto Legislativo para formação da Comissão de Investigação e Processante.




fonte: F.A com Redação



anuncie aqui anuncie
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
Vende-se
vende
High Society
Um click especial ao príncipe  Miguel que veio ao mundo para aumentar a felicidade da mamãe Cinthia Moreira Assunção, que está curtindo cada segundo a presença do seu pequeno.  Que Papai do céu derrame muitas bênçãos  de saúde sobre sua vida. Seja bem vindo Miguel! Fazer aniversário é celebrar a vida. E quem amanheceu festejando mais um ano foi o amigo Moisés Bandeira a quem enviamos votos de paz, saúde e prosperidades. Que Deus te conceda uma vida repleta de vitórias e conquistas. Parabéns!!! Uma excelente sexta-feira a Ronilma da Cunha Martins que com seriedade realiza um ótimo trabalho o setor de Regulação da saúde do município. Que Deus continue abençoando você pela atenção e carinho que dispensa com as pessoas que precisam de atendimento.  Sucessos a toda equipe!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados