Diretora administrativa: Rosane Michels
Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI novo
Doutores das Florestas
Data:13/07/2018 - Hora:08h41
Doutores das Florestas
Reprodução Web

O leitor deve estar estranhando que já há algum tempo a gente não destaca neste espaço datas comemorativas consoante registros do calendário, mas acontece que realmente, as tais datas andam meio evasivas e não é por lapso que buscamos outros assuntos, favor não culpar a greve dos caminhoneiros, como de praxe geral. Calma, que até que enfim, a folhinha, como a gente dizia nos anos 80 do século XX, cita um mui ínclito profissional digno de justas homenagens pelo seu dia: o Engenheiro Florestal, profissional responsável por avaliar as florestas e projetar estratégias de uso sustentável e preservação do ecossistema como um todo. O dia 12 de julho foi escolhido para homenagear o engenheiro florestal, em alusão à São João Gualberto, falecido em 12 de julho de 1073, escolhido como o Protetor das Florestas pelo Papa Pio XII em 1952. Para se ter uma idéia da importância do referido profissional, consta no rol de suas atribuições, construções para fins florestais e suas instalações complementares; silvimetria e inventário florestal; melhoramento florestal; recursos naturais renováveis; ecologia, climatologia, defesa sanitária florestal; produtos florestais, sua tecnologia e sua industrialização; edafologia; processos de utilização de solo e de floresta; ordenamento e manejo florestal; mecanização na floresta; implementos florestais; economia e crédito rural para fins florestais; seus serviços afins e correlatos.”

Durante sua formação um Engenheiro Florestal adquire conhecimento não só a respeito dos recursos naturais, mas também acerca das ciências biológicas, exatas e humanas. Dentre as matérias essenciais para sua formação estão: ecossistemas florestais, solos e nutrição de plantas, geoprocessamento, gestão de recursos naturais renováveis, política e legislação florestal, proteção florestal, entre várias outras. Um curso relativamente novo, pouco mais de meio século, o primeiro curso de estudos, exclusivamente, florestais no Brasil em 1960, aconteceu na Escola Nacional de Florestas, da Universidade Federal de Viçosa, em Minas Gerais, posteriormente transferida para a Universidade Federal do Paraná. O curso de engenharia florestal da Unemat é ministrado no campus de Alta Floresta, formando profissionais para atuar no gerenciamento sustentável das florestas naturais e reflorestamentos, além de inúmeras outras atividades ligadas a ecossistemas florestais. Para tanto, a sua capacitação profissional se deve a uma seqüência de disciplinas teóricas e práticas, de campo e laboratórios, aliadas a experimentação científica e a extensão. O Curso também tem um diferencial que é a habilitação para atuar na área de georreferenciamento de imóveis rurais e urbanos, conforme Lei Federal nº 10.267/2001. Nesta data específica, queremos aqui registrar nossa saudação à distinta classe profissional pela efeméride.




fonte: Da Redação



anuncie JBA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Flores multicoloridas a aniversariante do dia Ryvia Sodré que festeja a data ao lado do maridão Erze, filho Juninho, familiares e amigos. Que sua vida seja plena de alegrias, saúde e muitas prosperidades são os nossos sinceros votos. Destaque VIP ao querido José Ricardo Menacho que com sua voz maravilhosa abrilhantou o evento de inauguração do Natal Luz, cantando My way acompanhado pela Banda Sinfônica da Universidade do Estado de Mato Grosso. Um show de alto nível que merece nossos aplausos. Votos de felicidades ao mais novo casal Anderson Silva e Kamila Ladeia Segatto. Que essa união perdure para sempre e que o amor e o respeito sejam uma constante na vida a dois.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados