Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 18 de Novembro de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Supremo nega habeas corpus para liberdade de Mauro Savi
Data:04/07/2018 - Hora:09h00
Supremo nega habeas corpus  para liberdade de Mauro Savi
Arquivo

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou o habeas corpus que pedia a soltura do deputado estadual Mauro Savi (DEM). A decisão, em caráter liminar (provisória), foi dada na segunda-feira (2), mas a íntegra ainda não foi publicada. Segundo trecho da decisão, a magistrada entendeu que a medida não era cabível no momento. "Ante o exposto, não conheço do presente habeas corpus, negando-lhe seguimento", diz trecho.

Esta foi a quinta derrota judicial de Savi, que está detido no Centro de Custódia da Capital, desde o dia 9 de maio, quando foi deflagrada a Operação Bereré, que apura um esquema de fraude, desvio e lavagem de dinheiro no âmbito do DETRAN-MT, na ordem de R$ 30 milhões, que operou de 2009 a 2015.

Ele já teve pedidos de liberdade negados por decisão liminar do desembargador do TJ-MT, José Zuquim (autor do decreto de prisão); duas decisões liminares da ministra Maria Thereza Moura, do Superior Tribunal de Justiça; e uma decisão de mérito proferida pelo Pleno do Tribunal de Justiça, que por 21 votos a 2 determinou que Savi continuasse na cadeia.

Segundo as investigações, parte dos valores repassados pelas financeiras à EIG Mercados por conta do contrato com o DETRAN retornava como propina a políticos e empresários, dinheiro esse que era “lavado” pela Santos Treinamento - parceira da EIG no contrato - e por servidores da Assembléia, parentes e amigos dos investigados.

O deputado é apontado como um dos líderes e maiores beneficiários do esquema. O Ministério Público Estadual afirmou que ele recebia propinas milionárias através do empresário Claudemir Pereira, então sócio da Santos Treinamento. Savi ainda teria exigido R$ 1 milhão dos sócios da EIG, em 2014, para aceitar encerrar as negociações ilícitas.

No habeas corpus, a Assembléia Legislativa questionou uma decisão recente do desembargador José Zuquim, que ignorou a votação realizada pelos deputados, autorizando a liberdade de Savi. Na avaliação da Assembléia, o Legislativo possui competência para votar a liberdade do deputado, cabendo a Zuquim apenas conceder o alvará de soltura.

A defesa de Savi também questionou tal decisão e ainda acusou o desembargador de fazer “malabarismo” para não conceder a soltura ao parlamentar. Os advogados do deputado alegaram ainda que a decisão de Zuquim foi “ilegal” e “abusiva”.




fonte: Redação com M.N



anuncie JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
High Society
Abrindo nossa High Society neste dia a linda Fernanda Emilie Ferreira Lima que completa mais um ano de vida recebendo o carinho especial dos familiares, amigos e do namorado Aderbal Michelis. Desejamos que essa nova fase venha com a felicidade que você merece, para que continue contagiando a todos com seu bom humor. Que esse seja só mais um de bons anos que virão. Feliz aniversário!   Sempre atento as notícias mais mais da Princesinha,  Francisco Vieira ao lado da competente equipe do grupo Park dos Ipês,  que acompanham todas as manhãs nosso trabalho. Agradecemos a preferência e desejamos uma ótima quarta-feira.   Registramos trocando de idade amanhã o economista Wilson Carlos Fua a quem enviamos os mais sinceros votos de felicidades e muitos anos de vida. Na foto com a esposa Maria da Conceição (Lola).
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados