Diretora administrativa: Rosane Michels
Segunda-feira, 21 de Maio de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
fipe
Goleiro do União defende quatro pênaltis e dá o titulo ao Colorado
Data:26/04/2018 - Hora:08h41
Goleiro do União defende quatro pênaltis e dá o titulo ao Colorado
Ilcimar Aranhas

O União de Rondonópolis ainda comemora a façanha de ser campeão da Copa federação de 2017, depois de idas e vindas, uma novela que terminou na noite de anteontem em plena Arena Cuiabá na capital de Mato Grosso num duelo com o Dourado, que assim como no primeiro jogo no Luthero Lopes também não saiu de um empate, partindo a decisão para a cobrança de pênaltis.

O primeiro tempo começou equilibrado e morno, com as equipes criando poucas jogadas de perigo e com chances de gol. Cuiabá teve algumas oportunidades em cobranças de escanteio, mas não aproveitou. O União teve as melhores chances como na jogada em que Vinicinho limpou a marcação, tocou para o Alison que bateu mal e perdeu de abrir placar.

O Colorado ainda teve uma oportunidade com Marcelino, que matou no peito, de pé esquerdo bateu no canto do goleiro do Cuiabá, que já havia caído para o lado errado, mas a bola saiu. A melhor chance da partida veio só aos 40 minutos. Marcelinho do União entrou com a bola na área, ficou cara a cara com o goleiro e perdeu o gol, bola saiu pela linha de fundo.

No segundo tempo o jogo começou mais movimentado, o Cuiabá encontrou mais espaço, começou a gostar do jogo e pressionar o União. Já nos primeiros minutos o Dourado chegou com perigo e o zagueiro Talison afastou.

Falta perigosa a favor do Cuiabá, Igor cobrou em cima da barreira e a bola saiu pela linha de fundo. Ele cobrou o escanteio levantou bola na área, mas a sobra ficou com o União, que perdeu logo na sequência. Aos 32, Igor do Cuiabá agrediu o lateral Henrique, o arbitro estava perto do lance e deu cartão vermelho. Com um a menos o Cuiabá passou a sofrer pressão do Colorado.

União fez bela jogada com Renan que fez cruzamento na área, mas a zaga do Cuiabá estava atenta e tirou de qualquer jeito. O time de Rondonópolis tentou ainda com Carlos Canarana que cobrou escanteio, a bola foi desviada e saiu. Na nova cobrança a bola fica com o Cuiabá. Já se aproximando do final da partida Marcelinho perdeu mais um gol  para o União cara a cara com o goleiro. Chutou muito fraco.

Aos 41, Vinicinho foi pegar a bola para cobrar falta e acabou se desentendendo, agredindo o jogador do Cuiabá e foi expulso. Marcelinho teve mais uma oportunidade antes do apito final, sofreu falta na lateral da grande área, mas cobrou mal, a bola sobrou para o Erick do Cuiabá.

O Cuiabá que já estava com o troféu desde o ano passado, foi obrigado por força de determinação fora e dentro dos gramados, a repassá-lo ao time de Rondonópolis, depois que a final da competição foi remarcada após decisão do STJD, que devolveu os pontos que o Colorado havia perdido. Devido o União ter vencido o Dom Bosco, na reedição da semifinal, a taça teve de ser novamente disputada.

No primeiro jogo os dois times tinham ficado no empate em 1 a 1, jogo disputado no Luthero Lopes, em Rondonópolis e na noite da terça feria, 24, os dois times não saíram do 0 a 0, tendo a decisão que ser decidida nas penalidades, com destaque para o goleiro Thiago Neves do União que defendeu todas as cobranças do Cuiabá.

Lucão fez a primeira cobrança para o Cuiabá, o goleiro defendeu. Talison cobrou para o Colorado e converteu. Renato bateu o segundo para o Dourado e o goleiro Thiago novamente defendeu. Renan fez a segunda cobrança para o União e marcou. Garibe bateu o terceiro para o Dourado e o goleiro novamente  defendeu. Henrique cobrou para o time de Rondonópolis mas o goleiro da capital fez a defesa. Vinícius bateu o 4º pênalti para o time da capital e o goleiro Thiago defendeu e sagrou o União campeão.




fonte: S.N com Redação



AREEIRA JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
High Society
Tim tim a querida Maria Arruda Moura, que comemora ao lado do maridão Lécio (foto) mais um ano de vida. Que Deus lhe abençoe e proteja sempre. Que em todos os dias da sua vida você seja muito feliz ao lado das pessoas que te amam. Parabéns!!! Destaque especial com votos de um final de semana iluminado ao casal Ibraim e Alzira Pires Atala, que contagiam pela simpatia e amabilidade. Esbanjando charme  a linda Jéssica Castro, que embeleza nossa High Society hoje. Grande abraço extensivo a todos da Floricultura Joia Viva.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados