Diretora administrativa: Rosane Michels
Terça-feira, 17 de Julho de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI
Náutico despacha o Cuiabá em jogo na Arena Pantanal
Data:16/03/2018 - Hora:08h29
Náutico despacha o Cuiabá  em jogo na Arena Pantanal
Pedro Lima

Precisando vencer por dois gols de diferença, (o empate era do adversário e vitória de um gol levava o jogo para os pênaltis), o Cuiabá mesmo jogando na Arena Pantanal, em casa, apesar de portões fechados, sem torcida, sucumbiu a força do Náutico do Recife e foi

A partida válida pela terceira fase da Copa do Brasil, na Arena Pantanal, (jogo de volta) terminou em 1 a 0 para o visitante, gol marcado por Ortigoza e como já havia vencido a partida de ida por 2 a 1, o Timbu confirmou a classificação para a quarta fase da competição nacional.

Com apenas uma alteração na equipe titular em relação ao último jogo, contra o Bahia pela Copa do Nordeste, tirando Jóbson para a volta do volante Josa, o Timbu adotou uma postura mais defensiva, esperando o Cuiabá no campo de defesa e tentando encaixar os contra-ataques, tentando buscar apenas uma bola para abrir vantagem.

Os primeiros minutos de jogo foram equilibrados, as duas equipes se posicionando. A primeira oportunidade de gol foi do Náutico, em uma cobrança de falta, o goleiro do Cuiabá se adiantou e por pouco não levou o primeiro. O juiz pegou um desvio e marcou escanteio. Na seqüência o Dourado chegou com Bruno Alves, mas o zagueiro Breno tirou, salvando o time pernambucano.

Depois dos 15 primeiros minutos de jogo o Cuiabá passou a dominar a partida e o Náutico a jogar mais fechado, aproveitando a vantagem e tentando evitar de levar gol. Aos 26, escanteio para o Cuiabá, a zaga pernambucana deu bobeira e deixou Ednei livre. Ele subiu sozinho, mas o goleiro Bruno estava ligado no lance e ficou com a bola. O Cuiabá continuou insistindo e no finalzinho do tempo normal Bruno Alves invadiu a pequena área, tirou do goleiro, limpou a jogada, mas bateu para fora.

No retorno do intervalo o Cuiabá voltou se impondo, já no primeiro minuto, Hiltinho arriscou um chute a gol de longe, mas a bola passou por cima da trave. Aos 10 minutos, o Dourado chegou com muito perigo. Jenison mandou para o gol, a bola bateu na trave e ficou com goleiro. Para alívio dos pernambucanos.

Depois de mais de 10 minutos de pressão o Náutico esboçou reação, partiu para o ataque, mas não conseguiu uma boa finalização. O Cuiabá continuou buscando o gol e o Náutico se segurando, arriscando muito pouco, apenas nos contra-ataques.

Aos 40, em uma jogada embolada na pequena área, a zaga deu bobeira, após um cruzamento de Rogerinho, Jóbson tentou de cabeça e a bola se ofereceu dentro da área para Ortigoza e enquanto a defesa  pedia impedimento, o atacante do Timbu mandou para o fundo da rede, abrindo o placar e deixando o Náutico em uma situação ainda mais confortável. O jogo foi até quase 50 minutos, mas não deu para o time Mato-grossense. Partida terminou em 1 a 0 para o Náutico que ficou com a vaga na quarta fase da Copa do Brasil.




fonte: Redação com O.E



JBA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
High Society
Com eficiência ímpar, as funcionárias da Biblioteca Municipal de Cáceres, Carla Kruger e Divina Aparecida Santos Conchev, estão sempre buscando divulgar com dinâmica e eficiência aos frequentadores da casa de cultura da Rua Padre Casimiro, as atividades lúdicas do estabelecimento, voltado à salutar pratica da leitura e pesquisas.  Registramos marcando mais um golaço no placar da vida Wellyngton Maciel, que recebe os abraços calorosos da companheira Darlene, da mãe Isabel, do filhão Samuel e do rol de amigos.  Que essa data se reproduza por muitos anos, sendo festejada com saúde e felicidades são os nossos votos.  Ilustrando a página hoje, a simpática professora Elaine Glerian, do corpo docente da Escola Estadual Onze de Março, (antiga Ceom) na disciplina de química, articuladora do Projeto Parlamento Jovem no estabelecimento de ensino de Cáceres, que teve este ano um aluno selecionado.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados