Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 19 de Abril de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
A Mamadeira e as Tetas
Data:23/02/2018 - Hora:10h39
A Mamadeira e as Tetas
Reprodução Web

Então, seu Presidente pixuleco da Tuiuti, que passado o carnaval caiu na cinza e viu que não tinha nem 50% dos votos dos deputados para aprovar a rasteira nos aposentados e pensionistas com a malfadada reforma, mais com cara de deforma da previdência? Ele na pior das hipóteses não volta de 2019, se agüenta até lá enquanto houver lacaios televisivos e representantes anti-povo que se vendem por emendas de direito, no mesmo jogo de compras de votos. Mas a máscara caiu após o enterro dos ossos e uma última peneirada mostrando que de 387 deputados ouvidos numa pesquisa (Fenafisco) apenas 21 disseram apoiar as mudanças pretendidas pelo governo, sobrou uma intervenção no Rio de Janeiro. E a gente pergunta qual seria a justificativa real da intervenção militar na segurança pública do Rio de Janeiro? Qual o fato de relevante ofensa à ordem pública identificado no Estado que não exista em qualquer outro local do país? Não existem respostas plausíveis ou razoáveis para estas duas perguntas, nada que justificasse a intervenção na administração de uma Unidade Federativa da importância e do porte político desse Estado. Ou existe? Aí é que a porca torce o rabo e as evidencias deixam claro que as intenções do governo com tal medida são diversas e acontecem justamente num momento político de dificuldade, sem apoio parlamentar suficiente para aprovação do golpe da previdência, dissimulado em reforma, exigência dos banqueiros, da gringa agência de risco Standard&Poor's, como foi em 1964 com na educação via Usaid. O Radar da Previdência, tem estimulado a sociedade a cobrar aqueles que ainda não se manifestaram. A página do Radar que traz inclusive o telefone e o e-mail de todos os 513 deputados para facilitar o acesso entre o cidadão e aqueles que iriam decidir a reforma da Previdência na Câmara, (depois da tal intervençãozinha, parece que o trem caiu), faz o cerco em defesa do eleitor e nele não adiante ciscar. O parlamentar sabe que está sendo monitorado pelas entidades cívicas, que não se vendem ao poder; ele sabe que se votasse, não voltava, que o presidente não volta mesmo e que trocar a mamadeira pelas tetas de mais 4 anos é besteira. Sem partido, o político não existe, depende dele para se reeleger, e a pressão é muito forte por parte dos partidos, ciente que o deputado não tem direito de alegar foro íntimo nesse caso, pois o mandato é público. Ele sabe que chegou lá graças aos eleitores, que não tem como esconder da sociedade como vai votar e que tem de assumir as conseqüências de seu voto. Fosse o voto secreto, nem haveria a tal intervençãozinha, o rio ia continuar lindo, em janeiro, fevereiro e março, como diz o velho Gil, então aquele abraço ao disfarce do derrotado governo, que quebrou um galhão, suspendendo a votação da deforma da previdência. Aliás, que fique bem claro, não foi bem o temeroso e seus compadres a desistir de abrir de novo as mamadeiras, é que conforme o artigo 60° da Constituição Federal, ela não pode ser emendada na vigência de intervenção federal, de estado de defesa ou de estado de sítio. A maldita reforma, mais pra deforma é uma emenda à constituição, então truco, que entre mortos e feridos no rio,, salvaram-se todos os deputados e quiçá, por tabela, a gente.




fonte: Da Redação



AREEIRA anuncie
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
High Society
Parabéns amigo Demis Rogério! O mundo hoje está em festa, estou falando deste mundo que está à sua volta, seus amigos, seus colegas de trabalho, sua família. Hoje nós todos temos um motivo especial para abraçar você, e lhe desejar um calendário de sonhos realizados. Feliz aniversário, que o céu o cubra com as bênçãos de Deus Pai, e que você continue sendo essa pessoa verdadeira, maravilhosa que eu faço questão de ter ao meu lado e chamar de amigo. Seja feliz, porque você merece o melhor nesse mundo. O  Batizado é a transformação da água em bênçãos de Deus e  fundamento de toda a vida cristã,  quem recebeu esse Sacramento no domingo foi o gatinho José Alberto, filho do casal Leudson Melo Naco e Thais Carvalho Sabino. Que Deus guie e proteja sempre seu caminhar. Veio ao mundo ontem a princesinha Yasmin,  filha do casal Klebs Tavares de Assis e Natália de Andrade Bicudo, que estão radiantes de felicidades pelo nascimento da primeira herdeira. Também felizes da vida os vovôs corujas Reginaldo Bicudo e Vivyane Andrade. Que Deus derrame infinitas bênçãos a família e conceda a Yasmin muita saúde e alegrias. Seja Bem Vinda!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados