Diretora administrativa: Rosane Michels
Quarta-feira, 22 de Agosto de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Casos de HIV aumentaram 255% nos últimos cinco anos
Data:09/02/2018 - Hora:07h08
Casos de HIV aumentaram  255% nos últimos cinco anos
JCC/Arquivo

Dados da Secretaria de Estado de Saúde mostram que o número de casos de HIV em adultos aumentou 255% nos últimos cinco anos, em Mato Grosso. Entre 2012 e 2017, subiu de 180 para 640 notificações. Diante do cenário, as autoridades públicas ligadas à Saúde reforçam, nesta semana que antecede o Carnaval, a importância da prevenção das infecções ou doenças sexualmente transmissíveis (ISTs) e do HIV/AIDS.

Conforme a Secretaria de Saúde, a detecção e tratamento precoce com antirretrovirais (TARV) retardaram a evolução do HIV para AIDS. No Estado, em 2016 foram notificados 378 casos da doença e a maior incidência de casos de tem sido verificada na população jovem. No país, foram identificados 882.810 casos de AIDS de 1980 a junho de 2017. Nacionalmente, os números representam uma média anual de 40 mil novos casos nos últimos cinco anos.

Coordenadora de Vigilância Epidemiológica, Alessandra Moraes, explica que durante o Carnaval, ou em qualquer ocasião, o uso de preservativos (camisinha masculina ou feminina), em todas as relações sexuais (orais, anais e vaginais), é o método mais eficaz para evitar a transmissão de doenças. “Serve também para evitar gravidez e está disponível gratuitamente nas unidades básicas de saúde do Sistema Único de Saúde”.

As ISTs ou DSTs são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos e transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual sem o uso de camisinha masculina ou feminina, com uma pessoa que esteja infectada. Dentre elas destacam-se: HIV/AIDS, sífilis, hepatites virais, HPV, herpes genital, clamídia e gonorréia.

Quem tem relação sexual desprotegido pode contrair uma dessas infecções, não importando a idade, estado civil, classe social, identidade de gênero, orientação sexual, credo ou religião. Moraes frisa ainda que pessoa pode estar aparentemente saudável, não ter conhecimento da infecção e continuar transmitindo as infecções e se não forem diagnosticadas e tratadas, podem levar a graves complicações, como infertilidade, câncer ou até morte. Em Mato Grosso, nos últimos dois anos, foram notificados 1.733 casos de Sífilis em adultos, 1.356 casos em gestantes e 921 casos de Sífilis congênita.




fonte: SES com Redação



anuncie aqui JBA AREEIRA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
High Society
Brinde especial a nossa leitora assídua Cibeli Simões que festejou data nova no domingo e recebeu o carinho especial dos familiares, amigos e colegas da OAB. Que seus sonhos se tornem realidade e que esse ano seja repleto de alegrias, saúde, vitórias. Parabéns!!! No rol dos aniversariantes o competente delegado Alex Cuyabano a quem enviamos os votos de felicidades, rogando ao Criador infinitas bênçãos nesse novo ano de vida que se inicia. Muitas felicidades pra você Kelly Prado. Que todos os seus sonhos e metas sejam alcançados, sem esquecer do mais importante, que você seja muito, mas muito feliz.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados