Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 17 de Fevereiro de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
QI novo
Combate a dengue continua, na primeira quinzena do ano não foram registrados casos da doença em Cáce
Data:25/1/2018 - Hora:08h44
Combate a dengue continua, na primeira quinzena do ano não foram registrados casos da doença em Cáce
Divulgação

 

Nas duas primeiras semanas de 2018 não foram registrados casos de Dengue, Zica e Chikungunya em Cáceres. Apesar do começo positivo não se pode diminuir os cuidados para impedir a proliferação do mosquito Aedes Aegypti. Em 2017 a Secretaria de Saúde de Cáceres notificou 105 casos de dengue, dos quais 57 foram confirmados por exames laboratoriais. Foram notificados 38 de Febre Chikungunya, dos quais 3 foram confirmados. No caso do Zika Virus foram 6 casos notificados e nenhum confirmado.

Por causa do período chuvoso, ocorre a necessidade do alerta para aumentar a atenção e os cuidados com essas doenças transmitidas por este vetor. No “Período Não Epidêmico”, as ações de Mobilização, Comunicação e Educação em Saúde são fundamentais para a mudança de comportamento e adoção de práticas para a manutenção do ambiente domiciliar preservando-o da infestação pelo Aedes Aegypti.

Para o prefeito Francis Maris Cruz a secretaria de saúde vem fazendo sua parte. “Estão programadas ações educativas com a população, além dos mutirões que já foram realizados. Precisamos do apoio da população para evitar criadouros do mosquito, é necessário que os cacerenses abram suas residências para que os agentes de saúde façam as vistorias, para assim diminuir ainda mais o número de pessoas que contraem essas doenças.”

Dengue, Zika e Chikungunya

A dengue, a zika e a chikungunya são três doenças que circulam no Brasil transmitidas pelo mesmo vetor: o mosquito Aedes aegypti. Todas elas têm as mesmas características sintomáticas: febre alta, dor no fundo dos olhos, vermelhidão na pele, coceira e distúrbios gástricos. A automedicação pode ser perigosa, principalmente em casos de dengue.

A melhor forma de prevenir essas doenças é a eliminação do vetor, ou seja, eliminar o mosquito. Para isso, é fundamental eliminar os criadouros do Aedes aegypti, que coloca seus ovos em recipientes com água parada. Eliminar garrafas, sacos plásticos e pneus velhos que ficam expostos à chuva, além de tampar recipientes que acumulam água como caixas d'água e piscina, são fundamentais para esse controle.




fonte: Ascom



anuncie AREEIRA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
vende
Vende-se
High Society
Um click especial ao príncipe  Miguel que veio ao mundo para aumentar a felicidade da mamãe Cinthia Moreira Assunção, que está curtindo cada segundo a presença do seu pequeno.  Que Papai do céu derrame muitas bênçãos  de saúde sobre sua vida. Seja bem vindo Miguel! Fazer aniversário é celebrar a vida. E quem amanheceu festejando mais um ano foi o amigo Moisés Bandeira a quem enviamos votos de paz, saúde e prosperidades. Que Deus te conceda uma vida repleta de vitórias e conquistas. Parabéns!!! Uma excelente sexta-feira a Ronilma da Cunha Martins que com seriedade realiza um ótimo trabalho o setor de Regulação da saúde do município. Que Deus continue abençoando você pela atenção e carinho que dispensa com as pessoas que precisam de atendimento.  Sucessos a toda equipe!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados