Diretora administrativa: Rosane Michels
Segunda-feira, 28 de Maio de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
fipe
Mato Grosso investe R$ 3 milhões no fortalecimento dos Comitês de Bacias Hidrográficas
Data:24/1/2018 - Hora:09h25
Mato Grosso investe R$ 3 milhões no fortalecimento  dos Comitês de Bacias Hidrográficas
Gcom-MT

Mato Grosso vai investir R$ 3 milhões na implantação do Programa Nacional de Fortalecimento dos Comitês de Bacias Hidrográficas (Procomitês). O contrato firmado neste mês pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) com Agência Nacional da Águas (ANA) visa fortalecer a política nacional de recursos hídricos (Lei 9.433/97) e aproximar o cidadão ainda mais da gestão ambiental.

Ao todo, 10 Comitês de Bacias Hidrográficas, que abrangem 82 municípios, totalizando uma cobertura de aproximadamente 60% do Estado, participarão do programa que segundo o secretário de Estado de Meio Ambiente, André Baby, terá um cronograma de metas a cumprir nos próximos três anos.

“Nossa proposta é pautar a gestão do meio ambiente por bacias hidrográficas, algo importante porque nos auxilia a manutenção dos corredores ecológicos, na conservação das nascentes e também na preservação do maciço florestal. O trabalho começa agora, mas visa deixar recurso hídrico de qualidade e em quantidade adequada para as próximas gerações”, avalia o gestor.

Uma das regiões contempladas compreende o Vale do Rio Cuiabá, que além de concentrar o maior contingente populacional de Mato Grosso, possui o maior problema em saneamento básico. Os comitês integrantes (CBH) do contrato são: dos afluentes do alto Teles Pires, do Alto Teles Pires, dos afluentes da margem esquerda do baixo Teles Pires, do Médio Teles Pires, do Rio Cabaçal, do Covapé, do Cuiabá, do Rio São Lourenço, do Rio Sepotuba e do Rio Jauru.

A coordenadora de Ordenamento Hídrico da Sema, Lorena Moreira Nicochelli, explica que este é um grande passo dado pelo Estado, pois investe no compartilhamento de responsabilidades. “Quem melhor que o cidadão que mora e convive na realidade daquela bacia hidrográfica para propor e efetivar as políticas públicas necessárias? A gestão compartilhada, obedece ao estabelecido nas Políticas Nacional e Estadual de Recursos Hídricos e oportuniza que os múltiplos interesses sobre a água sejam compatibilizados de forma sustentável”.

Com o recurso federal, a secretaria vai garantir suporte técnico e incentivo a implantação das ações dos comitês, entre elas, mobilização de recursos humanos, promoção de reuniões, consultas públicas, confecção do plano de comunicação e estudos técnicos regionalizados. O Conselho Estadual de Recursos Hídricos (Cehidro) vai monitorar a implantação do trabalho.

Este é um contrato importante para o Estado que abriga em seu território três das doze regiões hidrográficas existentes no país: Paraguai, Araguaia/Tocantins e Amazônica, das quais esta última a maior do mundo com 7 milhões de km² de extensão (4 milhões km² em território brasileiro). “Este é um tema importante neste ano, já que o 8º Fórum Mundial da Água será realizado no mês de março, em Brasília, evento que vamos participar ativamente”, acrescenta André Baby.

Referência no Centro-Oeste

Mato Grosso possui 10 comitês instituídos. A Sema também atua oferecendo apoio técnico e incentivando a criação de novos CBHs, além de ser responsável por validar as ações dos comitês antes delas serem implementadas. Desde a publicação da Política Estadual de Recursos Hídricos (Lei nº 6945/1997), o estado se tornou referência na gestão da água na região Centro-Oeste e Norte do país ao ser o primeiro a aprovar o Plano Estadual de Recursos Hídricos (2009), logo após a aprovação do Plano Nacional de Recursos Hídricos (2006).

Também está implantado e em funcionamento o Cehidro desde 2003, cuja competência é exercer funções normativas, deliberativas, consultivas e recursais para a formulação e acompanhamento da política de recursos hídricos no estado, o que garante vaga a Mato Grosso junto ao Conselho Nacional de Recursos Hídricos e participação efetiva junto a duas câmaras técnicas: de água subterrânea e de integração de procedimentos, ações de outorga e ações reguladores.




fonte: Rose Domingues/Sema-MT



anuncie JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
High Society
A Estação do Outono decreta três dias de felicidades, lédice e júbilo, face ao níver da Rosa-Flor-Mulher Rosane Michelis, que na próxima segunda feira, 28, estréia nova idade, em clima festivo com seus familiares e uma legião de amigos. Integrando este rol privilegiado, queremos ao registrar as homenagens à aniversariante, com amplexos e votos de felicidades mil à titular desta coluna, inserindo um very good Happy Birthday, blonde Rosane! A sempre simpática Maridalva Amaral Vignardi, decana titular da Radio Difusora de Cáceres, curtindo o sucesso da nova Nova FM, 97,3, que substituiu a AM 820. Ela afirmou que a Nova FM só tocará musica sertaneja e aplaudiu as musicas do jornalista musico do Correio Cacerense Lorde Dannyelvis, que passam a fazer parte do repertório da emissora. Felicidades, Paz, Amor e vitórias é o que desejamos a elegante Milene Oliveira, nossa eterna Miss Cáceres, que celebrou data nova e merece nosso forte abraço. Feliz Aniversário!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados