Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 21 de Janeiro de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Café da Manhã
Data:13/12/2017 - Hora:09h16

Dengue/Queda

De janeiro a novembro deste ano, Mato Grosso registrou mais e 11 mil casos de dengue, conforme dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde. De acordo com os números, os casos da doença registrados em 2017 caíram 61% em relação ao mesmo período de 2016, mas por outro lado, a incidência dos casos por habitante ainda é preocupante. Segundo o governo, são 340 registros a casa 100 mil habitantes e apesar da queda no número de casos, cinco mortes por dengue foram registrados neste ano.

Chilungunya

Em relação à febre chikungunya foram notificados 3.471 casos até novembro de 2017, um aumento de 141% se comparados ao mesmo período do ano passado. Os casos de febre chikungunya colocam o estado com incidência média da doença com 105 casos por 100 mil habitantes, enquanto que os números de registros de vírus da zika caíram 90% neste ano. Ao todo foram notificados 2.443 casos. A doença tem baixa incidência no estado com 74 casos a cada 100 mil habitantes. De acordo com o governo, dos 141 municípios, 97 responderam o questionário e informaram os dados.

Cri$es Fora

Crise é a palavra de ordem nacional, quando o papo é pagar salários para funcionários públicos, como se eles fosse culpados de ingerências e se realmente a situação fosse mesmo critica. Enquanto isso, no front dos poderes, se gasta perdulariamente, senão vejamos:  Em Matro Grosso, a Casa Civil, já gastou R$ 690,7 mil com o pagamento de diárias a servidores. Comparado a 2016, houve um crescimento de R$ 541,3 mil (21,6%) dos gastos da pasta que possui cerca de 330 servidores.

Cri$es Fora II

No comparativo dos últimos cinco anos, o aumento foi de R$ 628 mil (90%), dados foram divulgados no portal Mira Cidadão, um sistema de monitoramento dos gastos públicos de Mato Grosso. Desde junho de 2014, o Executivo paga R$ 180,00 de diária a cada servidor que necessita se afastar da cidade onde está lotado. A secretaria de Meio Ambiente também teve um crescimento significativo neste ano. De R$ 3,2 milhões em 2016, o gasto com diárias foi para R$ 3,8 milhões. O que representa um crescimento de 15,8%.

Cri$es Fora III

E não pára pelai, apenas para ilustrar o tamanho da crise que escalona pagamentos de funcionários, um direito liquido e certo deles, que se apela para um tal FEX, outra secretaria que registrou aumentos em gastos, a secretaria de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários, ampliou o gasto de diárias, de R$ 355 mil em 2016, para R$ 438 mil neste ano, um aumento de 23,6% e outros setores com crescimento expressivo foi no Gabinete de Comunicação, de R$ 275,4 mil para R$ 434,7 mil, e no Gabinete do governador, de R$ 187,1 mil para R$ 344,2 mil. Trocando em miúdos, tá sobrando bererê, Seu Mané!




fonte: Da Redação



JBA AREEIRA anuncie aqui
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Felicitações a Sebastiana Pacheco, carinhosamente conhecida por Tiana. Ela que troca de idade hoje e recebe o carinho especial dos familiares e amigos. Que seu dia seja completo de paz, amor e felicidade. Não esqueça de sorrir, pois sua alegria é contagiante. Parabéns! Um final de semana iluminado as nossas leitoras assíduas Cibele Simões e Adriana Nascimento. Pessoas maravilhosas e profissionais nota 1000. Grande Abraço!  Sempre alegre e de bem com a vida, a nossa amiga de longas datas Ana Lúcia Matiello Miranda.   Um Bom Dia extensivo a sua linda família.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados