Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
O Outro Lado do Paraíso
Data:17/11/2017 - Hora:08h05

Natural de Cáceres, pantaneira mesmo, da raiz ao fruto, (a raiz da terra, o fruto da prole), nenhuma surpresa, que desde jovem minha visão ainda no colégio era para um curso superior na área de humanas, e a geografia me convidou a viajar em sua estrada, qual Wendy em Neverland, explorando numa pós, as maravilhas do turismo, somando conhecimentos. Se Geografia, no vocábulo grego Geo, significa terra e Graphein, descrição, Turismo, com sua origem no francês Tour é circuito, volta ao redor, volta, de Tourner, fazer a volta, do latim Tornare, girar um torno, fazer dar a volta, e minha origem de Campana, Michelis, La Bela Itália da Nona, deve explicar o resto. Daí, que de canudo da Geo, fiz um Tour em planejamento, hospitalidade, destinações e administração de empresas turísticas e sem serpente ou maçã, mergulhei na Reserva da Biosfera, com aquela paixão faunática pela flora pantaneira. E aqui estamos, para ilustrar aos leitores que desejem ampliar seus horizontes, algumas linhas sobre esta região turística do Pantanal, de Poconé, Cáceres, Barão do Melgaço e Santo Antônio do Leverger como portão de entrada do Paraíso, onde o regime de chuvas comanda as terras tão especiais. Parte do ano as águas cobrem tudo. Depois as águas vão baixando e os animais tomando seus devidos lugares. Jacarés, onças, rios repletos de peixes e aves convivem com grandes fazendas de gados. O Pantanal é um ecossistema riquíssimo, onde se encontra uma das maiores concentrações de fauna selvagem do planeta e conta com vários produtos já formatado, com ênfase em ecoturismo, aventura, observação de pássaros animais e da Flora e Fauna; o turismo rural, o de nossa cidade bicentenária, riquíssimo turismo de Pesca esportiva, detalhes para o Festival Internacional de Pesca, maior do planeta, registre-se com a marca do nosso pai Aderbal e da nossa mãe Orfélia; dos passeio de barcos, dos barco Hotéis, das Pousadas Pantaneiras e a observação guiada e monitorada de onças que vem ganhando força principalmente em Poconé, no Porto Jofre e em Cáceres, na região próxima do Parque Reserva Taiamã. O bioma continental do Pantanal é considerado uma das maiores extensões úmidas contínuas do planeta e sua área aproximada é 150.355 km², uma planície aluvial, influenciado por rios que drenam a bacia do Alto Paraguai. Uma característica interessante desse bioma é que muitas espécies ameaçadas em outras regiões do Brasil persistem em populações avantajadas na região, como é o caso do tuiuiú, abrigando também, 263 espécies de peixes, 41 de anfíbios, 113 de répteis, 463 de aves e 132 de mamíferos. No que tange a flora, quase duas mil espécies de plantas já foram identificadas no bioma e classificadas de acordo com seu potencial, algumas com vigoroso potencial medicinal. Assim como a fauna e flora da região são admiráveis, há de se destacar a rica presença das comunidades tradicionais como as indígenas e quilombolas, ao longo do Rio Paraguai. E com esta gente nossa, o destaque pelas rezas de cururu, siriri e chorado, com viola de cocho e ganzá, regadas ao Pacú assado, Muqueca e ventrecha, Mugica de Pintado, frito e assado, Peraputanga frita ou assada, farofa de banana, caldo de peixes, pirão e Maria Isabel e outros. Impossível descrever as maravilhas deste paraíso em uma coluna, mas agora vocês já sabem porque sou Faunática pelo Pantanal. ***___Rosane Michelis – jornalista, bacharelado em geografia com pós-graduação em turismo




fonte: Rosane Michelis



anuncie aqui AREEIRA anuncie
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Endereçamos votos de felicidades a querida Maria Luzia que trocou de idade recebendo o carinho e abraços dos amigos e familiares. Que Papai do Céu lhe cubra com o manto da  saúde e amor. Está acontecendo no estacionamento do Juba Supermercados, sito a Rua Padre Cassemiro, a Feira do Livro Espírita realizada pelo Grupo Espírita Bezerra de Menezes. A feira que teve início ontem reúne inúmeras obras dos mais renomados autores espíritas. O evento  segue até sábado das 9h às 21h. Vale conferir. Flores multicoloridas a nossa querida assinante Alzira Lindote, Dona Giroca, que acompanha todas as manhãs nosso matutino. Obrigada pela leitura e por todos esses anos prestigiando o nosso jornal.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados