Diretora administrativa: Rosane Michels
Sábado, 18 de Novembro de 2017
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Balanço da PRF aponta apreensão de 3.718 kg de drogas em 9 meses
Data:17/10/2017 - Hora:09h23
Balanço da PRF aponta apreensão de 3.718 kg de drogas em 9 meses
Arquivo

De janeiro a setembro desse ano, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) já apreendeu 3.600 kg de maconha e 1.118 kg de cocaína, chegando a mais de 4 toneladas de droga. O número de apreensões no período é maior do que o total de 2016 inteiro. Em 2016, 1.244 kg de maconha e 1.103 kg de cocaína foram apreendidos pela PRF nas estradas de Mato Grosso.

A pesquisa mostrou que o fator que mais tem gerado situação de pânico na região metropolitana é o tráfico doméstico de substâncias entorpecentes. Uma das preocupações da polícia é quanto as estratégias usadas pelos criminosos para aliciar pessoas para o tráfico e crime organizado.

De acordo com o superintendente da PRF, Aristóteles Cadidé, esses criminosos se aproveitam da fragilidade das pessoas. “Faremos uma campanha junto ao Ministério Público de Mato Grosso para orientar as famílias a não serem alvo fácil de captação do crime organizado”, disse. Até o mês atual, a polícia já apreendeu mais de uma tonelada de droga em bocas de fumo em Cuiabá e Várzea Grande, e 215 pessoas foram presas por envolvimento com o tráfico.

Apesar dos números, o tráfico e o crime organizado não são problemas exclusivos de Cuiabá e Várzea Grande, por meio das rodovias as drogas chegam a outros municípios do estado. De acordo com a PRF, na última semana, um casal foi preso com 40 kg de maconha enquanto viajavam de ônibus em Rondonópolis. Em Campo Novo do Parecis, com informações da inteligência da PRF, a Polícia Militar apreendeu 135 kg de cocaína e dos mulas foram presos. Em um ônibus que trafegava pela BR-163, no norte de Mato Grosso, 40 kg de maconha foram apreendidos durante abordagem da PRF.

Segundo Cadidé, o crime organizado dispõe de diversos artifícios para tentar ludibriar as equipes policiais e disfarçar os entorpecentes.

“Isso [a droga] vai dentro das estruturas de veículos, pneus, fracos de perfumes e outras embalagens. Também escondem em mochilas ou disfarçam em carrinhos de crianças. Simulações de gravidez e envolver o corpo com a droga também”, explicou.

 




fonte: Redação com G1-MT



anuncie anuncie aqui JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
 Trabalhando na nova coleção para exposição 2018 na Austrália, o artista plástico Sebastião Mendes. A exposição acontecerá em Sidney com a curadoria da marchand Sandra Setti. Talento sabemos que tem de sobra, só nos resta desejar muito mais sucessos.    O click de hoje vai para a gatinha Eloah Valentina, que encanta com seu jeitinho sapeca de ser. Beijinhos!!! Em festa ontem Joaquim Sodré marcou mais um golaço no placar da vida e recebeu o carinho especial dos amigos e familiares. Que Deus lhe conceda um ano de realizações e muita saúde.  Parabéns pra você!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados