Diretora administrativa: Rosane Michels
Segunda-feira, 23 de Abril de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Balançando Pindurado
Data:11/08/2017 - Hora:07h46
Balançando Pindurado
Reprodução Web

O prontuário do denunciado, Ivo Nascimento de Campos Pitanguy, no Detran-RJ, tinha 23 folhas, com 70 multas aplicadas nos últimos 5 anos, o que dá mais de 240 pontos na carteira, 14 multas por dirigir embriagado e após atropelar a vitima, sem que houvesse qualquer risco pessoal a sua pessoa, deixou de prestar socorro ou solicitar auxílio das autoridades públicas competentes. O preâmbulo, faz parte da denuncia do Ministério Público, e, injustiças da justiça, ele foi condenado a 4 anos e 8 meses de prisão, que não vai cumprir, ratificando a assertiva de que continuamos sendo o país do oba-oba, das injustiças da justiça mais cara e mais falha do mundo. Uma forma constrangedora para nós que cursamos ciências jurídicas numa faculdade e não temos motivo algum, para comemorar este 11 de agosto, o Dia da Justiça, (onde?), do advogado e do garçom. Este último ainda ficava com a vaquinha dos pinduras, após as 12 badaladas, ante a cara feia do dono do restaurante, mas o artigo 176 do CP, acabou também com os caraminguás do Zé da bandeja. Mas, o 11 de agosto não deixa de ser um dia pra gente filosofar um pouco sobre a nobre (ultimamente pobre) vida do profissional que realiza a representação e a defesa dos interesses de pessoas físicas ou jurídicas em juízo. Quiçá, por isso, a advocacia se tornou um encargo público, compondo um dos elementos da administração democrática do Poder Judiciário, mas neste século XXI, que Santo Ivo nos perdoe, sem exagero algum, a classe encontra-se em extinção. Vai vendo, a gente se rala cinco anos nos bancos de uma faculdade, paga pra trabalhar, (se dever pra OAB, pode ser MBA em direito, que não é advogado) e ainda concorre com os samaritanos. São os plantões judiciários, os escritórios de faculdades, os defensores públicos, os cartórios, e o que sobra pro advogado? Aluguel do escritório, secretária, mensalidade da OAB, e os cambaus, daí, os colegas se juntar em grupo pra sobreviver neste mundão de desigualdades, onde pulamos do barco de Thêmis, para abraçar outra profissão também inglória, o jornalismo. A terceira formação, a musica, usamos como hobby, que nos consola das mazelas do podre reino tupiniquim e nos permite levar alegria a outrem. A injustiça supra mencionada é apenas um exemplo, no advento da lawfare, que fez muitos dos colegas desacreditar na justiça brasileira, (nada contra a quase maioria dos magistrados, reféns de leis anacrônicas) cujas brechas beneficiam os poderosos, via delações hiper-premiadas, linguagem de malandros oficializando indícios como provas e liberando com tornezeleiras eletrônicas como brinde. E tem quem diga que somos sortudos pois temos dois dias para comemorar,este 11 de agosto, da criação do primeiro curso de direito do Brasil, por D. Pedro I em março de 1828 e o 19 de maio, o dia do nosso padroeiro Santo Ivo que faleceu neste dia em 1303. Pra quem não sabe o peso da balança, fácil falar, mas apesar de tudo, ad.argumentandum tantum, congratulações aos colegas advogados de Cáceres, pela efeméride.




fonte: Da Redação



anuncie JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
Multivida
zoom
High Society
Curtindo as belezas da cidade boliviana de Santa Cruz de La Sierra as amigas Marinalva Denipotte Manfrin e Fabíola Campos Lucas. Uma ótima estada no País vizinho. Votos de breve recuperação a amiga Suzy Kristina dos Santos, que sofreu uma torção no tornozelo e está de repouso impossibilitada de andar. Estamos na torcida pela seu reestabelecimento. Grande abraço. Nosso Destaque VIP para a competente equipe do Kaskata Flutuante que serve a melhor comida da cidade. Forte abraço a família Natal que está a frente de bem servir os cacerenses e visitantes. Pra hoje fica a dica de saborear aquele delicioso peixe a La Kaskata.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados