Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 22 de Junho de 2017
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Lava-Jato, pós delação Odebrecht
Data:20/04/2017 - Hora:05h21

 

As atuais delações realizadas na operação Lava-Jato trazem vários tipos penais. A princípio é importante salientar que a delação por si só não é suficiente para condenar o acusado, pois, além disso, tem que haver indícios de autoria do delito. O meio de se investigar é através de um Inquérito onde a autoridade competente vai verificar se existem indícios mínimos de que a pessoa delatada cometeu os crimes a ela impetrados. 

Entretanto é importante salientar que no momento que tramita o inquérito a pessoa está sendo investigada e não acusada. Porém se no decorrer das investigações forem encontrados os indícios mínimos de autoria, o delatado pode ser alvo de uma denuncia que tem como o titular o Ministério Publico. 

Denuncia essa, que pode ou não ser recebida pelo Poder Judiciário. Em caso de recebimento da denuncia, o delatado passa então a ser réu no processo. Os tipos penais na investigação da operação Lava-jato são corrupção ativa, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e caixa dois.

Lembrando que a corrupção ativa é o ato de oferecer vantagem, qualquer tipo de benefício ou satisfação de vontade, que venha a afetar a moralidade da Administração Pública. Só se caracteriza quando a vantagem é oferecida ao funcionário público.

 Já o crime de corrupção passiva é o tipo penal praticado pelo funcionário publico, quando ele pede ou exige alguma vantagem ilícita, tendo em vista a função publica por ele empenhada.

A lavagem de dinheiro é um processo onde os lucros gerados a partir de atividades ilegais como um recebimento de uma empresa ou cliente. Após esse trâmite geralmente o beneficiário desse dinheiro sujo lança em suas contas correntes ou  patrimônio como se fosse limpo, ou seja  são disfarçados  ou ocultados para que possam aparentar ter origem lícita.

E caixa dois é um crime praticado geralmente por políticos em campanha. Do qual de se tem o dever de declarar os valores de uma campanha perante os órgãos de fiscalização competentes do poder executivo. Entretanto, o mesmo recebe esse valor e não é declarado legalmente ou fazendo parte de uma caixa dois e não  contabilizado.

Todos esses tipos penais envolvem penas de reclusão, ou seja, prisão. Porém para chagar a este ponto de condenação ou absolvição, o processo tem que ter o seu trâmite legal, ou seja, conferir aos acusados o direito do contraditório e da ampla defesa e transitar em julgado a sentença condenatória ou absolutória. Usando como paradigma o processo do mensalão a estimativa de se chegar a uma conclusão e em média de 10 anos, levando se em conta o número de acusados.

 

MIGUEL JUAREZ R. ZAIM – Doutor em Ciências Jurídicas e Sociais, Especialista em Direito e Processo Penal, Direito e Processo Civil, Direito Constitucional, Direito Tributário, Direito Imobiliário e Direito Ambiental.




fonte: MIGUEL JUAREZ R. ZAIM



anuncie aqui LAB. LIDER JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
Um click para a gatinha Nicole Brumati Rodrigues Soares, filha do casal Pedro e Rosimar, que encanta a todos com seu jeitinho sapeca de ser. Puro charme e simpatia. Beijinhos!!!!!! Parabenizamos toda a equipe da Prefeitura Municipal de Cáceres, através da SICMATUR que não mediram esforços para que mais um ano o Festival de Pesca fosse sucesso total. Organização, entretenimento, atrações e show de pescaria foi o que se viu durante os cinco dias de festa. Em nome do Prefeito Francis Maris, da Vice-Prefeita Eliene Liberato, do Secretário Junior Cezar Trindade e do guia turístico Claudionor Duarte, parabenizamos a todos que trabalharam direta ou indiretamente para o sucesso do FIPe. Nossos aplausos!!! Festejando data nova a simpática atendente do Laboratório Líder, Vanderleia Rodrigues, a quem desejamos muita saúde e prosperidades. Que Deus lhe conceda muitas vitórias nesse novo ano de vida.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados