Diretora administrativa: Rosane Michels
Domingo, 24 de Setembro de 2017
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Atenção ao perigo do desafio da Baleia Azul
Data:20/04/2017 - Hora:05h19

 

A sociedade moderna vive a rotina acelerada e totalmente dependente da tecnologia, porém esta mesma tecnologia que auxilia traz malefícios, o último descoberto é o Desafio da Baleia Azul (ou Blue Whale Challenge). O jogo com nuance macabras estimula os adolescentes ao suicídio, proporcionando uma onda de medo visto os impactos negativos.

O desafio começou na Rússia onde as autoridades somam mais de 150 casos, e chegou ao Brasil. No início do mês de abril acendeu-se a luz do alerta em nosso país com os primeiros casos, em Mato Grosso também paira a suspeita no caso de suicídio da menor em Vila Rica ocorrido no dia 11 de abril. 

O jogo e a forma como o mesmo seduz os jovens chama atenção de médicos, psicólogos e de pais pelo mundo inteiro, mas como bloquear esta febre e conseguir protegê-los? 

A resposta não é simples, mas se encontra, principalmente, na criação de elos com os jovens e assim fomentar afinidades, mudando e inserindo novos hábitos. O diálogo entre pais e filhos ainda é a melhor alternativa, assim como fazer parte da vida, conhecer a rotina e o núcleo de amigos. 

As informações são divulgadas de forma acelerada, por isso vale a pena inserir os assuntos, ouvir o posicionamento do jovem. Esse hábito do diálogo deve ser inserido desde a mais tenra idade, para que se solidifique ao longo do tempo. 

Caso identifique alguma atitude diferente, é importante que o pai ou responsável busque auxílio do psicólogo para uma análise profissional e assim formular um tratamento adequado. 

O Brasil é o país mais depressivo da América Latina, e por isso a sociedade deve ter maior atenção a este novo desafio que quer sucumbir os jovens. A exemplo da França, precisamos dar início a uma forte campanha unindo forças entre movimentos sociais, sociedade, em parceria com a Educação e Saúde, colocando todos em atenção redobrada, para que os jovens se conscientizem que nenhum desafio merece ariscar o bem mais precioso de todos, a vida. 

Se a “onda” é desafios, vamos nos desafiar com coisas positivas, que engrandeçam a alma e auxilie a vida ser melhor, que tal desafiar o grupo de amigos a visitar um lar com crianças carentes, ou de idosos? Ou unir forças e coletar donativos para distribuição a famílias carentes?

Podemos virar o jogo e ganhar uma vida, basta somente atenção e trabalho em equipe.

 

Dra Laura Oliveira Gonçalves (CRP/MT 18/2109) - Psicóloga atua na Abordagem Sistêmica (Terapeuta para casais, crianças, família, adolescentes). Especialista em Avaliação Psicológica e Especialista em Psicologia do Trânsito. 

Instagram: dralaura_psicologiaclinica – Cel.: (65) 98135-8840.




fonte: Dra Laura Oliveira Gonçalves



anuncie aqui anuncie JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
social dia 23 e 24 setembro RM Rosane Michelis     Responder| Ontem, 15:00 Corel Particular (corelparticular@hotmail.com)      4 anexos (371 KB)  Baixar tudo  Salvar tudo no OneDrive - Pessoal A família é o amor que plantamos em solo fértil, com raiz forte e que cultivamos e cuidamos constantemente, para que brotem belas flores e bons frutos. Hoje enviamos o abraço especial a família do nosso leitor assíduo Dr. Rodrigo Perez. Que Deus conserve sempre a união, harmonia e o amor. Com muita festa e alegria os futuros papais Wellyngton Maciel e Darlene Oliveira, receberam os amigos e familiares pela ocasião do Chá de Bebê do Samuel. Tudo lindo e perfeito, agora é só aguardar o grande dia do seu nascimento. Felicidades aos papais. Votos de felicidades e muitos anos de vida ao jovem Pedro Henrique, que trocou de idade e recebeu o carinho especial dos familiares e amigos. Sucessos mil!!!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados